9 mudanças simples na rotina que vão te acalmar e reduzir a ansiedade

mulher relaxa sofa 0119 1400x800
Maridav/Shutterstock

Pressão e problemas no trabalho, preocupações financeiras e expectativas sobre fatos importantes no futuro próximo são causas comuns da ansiedade simples, que não deve ser confundida com o distúrbio psiquiátrico da ansiedade generalizada.

Nestes casos, que não exigem uso de medicamentos ou tratamentos terapêuticos, algumas medidas simples no dia a dia podem ser eficientes para acalmar e reduzir a ansiedade. Confira algumas dicas para colocar em prática hoje mesmo:

Como combater a ansiedade simples e acalmar

mulher sono tranquilo 0119 1400x800
Leszek Glasner/Shutterstock

1. Uma boa rotina de sono é fundamental para relaxar, renovar as energias e aliviar a ansiedade do dia a dia. Na hora de ir para a cama, procure se desconectar de eletrônicos, como celulares, tablets ou mesmo televisão, já que a luz emitida pelos aparelhos estimula o cérebro a ficar acordado, comprometendo assim o descanso de qualidade.

2. A alimentação também tem impacto significativo no aumento e diminuição da ansiedade. Evite o consumo exagerado de café, chás com ação energética, bebidas alcoólicas, alimentos industrializados e à base de farinha branca. Inclua no cardápio opções integrais, chás calmantes, sementes (de abóbora, gergelim ou girassol), cereais e frutas cítricas.

cha leitura livro 0918 1400x800
Jacob Lund/Shutterstock

3. Se possível, procure tirar um tempo para si mesmo. Ler um livro, ir ao cinema após o trabalho, cultivar hobbies e até mesmo fazer trabalhos voluntários ajudam a relaxar e garantir sensação de paz e tranquilidade. As medidas ainda ajudam a evitar o tempo excessivo nas redes sociais. Diversos estudos apontam que passar muito tempo no celular, checando mensagens e buscando atualizações aumenta o estado de ansiedade.

4. Aposte em exercícios para controlar a ansiedade com técnicas de respiração que podem ser realizadas em casa. Eles promovem um relaxamento corporal e mental que abre novas possibilidades para evitar expectativas negativas e pensar conscientemente.

homem meditacao relaxamento 0119 1400x800
Dean Drobot/Shutterstock

5. Meditar por pelo menos 15 minutos por dia já é capaz de aliviar o estresse e a ansiedade. Para relaxar e “treinar seu dragão interior” é válido ainda testar o Mindfulness, técnica também conhecida como Atenção Plena, que tranquiliza a mente de forma consciente e eficaz.

6. Conheça terapias alternativas como aromaterapia, cromoterapia e acupuntura que têm poder curativo de diminuir a ansiedade. Os tratamentos, além de relaxar, promovem equilíbrio da energia e afastam as preocupações do dia a dia.

natacao nadar mulher 0119 1400x800
Tom Wang/shutterstock

7. Pratique exercícios regularmente. Se movimentar libera endorfina, hormônio que proporciona bem-estar e felicidade e ótimo complemento para controlar ansiedade naturalmente. Alongamento, dança, yoga, artes marciais, luta, pilates e natação são apenas algumas das opções conhecidas por aliviar as tensões.

8. Liste suas prioridades para combater a ansiedade no dia a dia. O ideal é sempre finalizar uma tarefa para então pensar na outra, definindo o que é mais importante para não acumular afazeres.

relaxamento jovem natureza 0119 1400x800
mimagephotography/Shutterstock

9. Por fim, tente ser mais generoso consigo mesmo no dia a dia e não exija comportamentos ou atitudes que ultrapassem seus limites. Além disso, monitore se determinadas atitude que causam ansiedade é fruto do seu próprio desejo ou da expectativa de outra pessoa.

Ansiedade: causas, sintomas e tratamentos