mulher

Kalimann desabafa sobre vídeo que causou seu “cancelamento”: “Eu feri, machuquei”

Meses após protagonizar uma polêmica ao compartilhar o vídeo de um pastor falando sobre homossexualidade, Rafa Kalimann tocou no assunto pela primeira vez. Em um podcast, ela desabafou sobre o que sentiu ao perceber o próprio erro, bem como sobre o que mudou em sua conduta depois do ocorrido – e, além disso, a blogueira também abordou a questão do “cancelamento”, compartilhando detalhes tensos como ameaças recebidas em meio às críticas.

Rafa Kalimann relembra polêmica e cancelamento

Convidada no podcast “Pod Delas”, a influencer e ex-BBB Rafa Kalimann relembrou uma situação polêmica vivida por ela há alguns meses. Na ocasião (e em meio a outros famosos), Rafa compartilhou um vídeo do pastor Claudio Duarte em que ele diz respeitar o casamento homoafetivo apesar de ser contra ele, e a atitude repercutiu negativamente fazendo com que ela fosse duramente criticada na web. Agora, pela primeira vez, ela falou sobre o assunto, relembrando o quanto se decepcionou consigo.

rafa kalimann 4 0921 1400x800
Reprodução/YouTube/Pod Delas

“Foi um grande erro meu que reconheci totalmente”, afirmou Rafa, explicando que assistiu à fala do pastor em “modo automático”. “Quando você entra no modo automático, deixa de ter percepções que normalmente teria. Eu estava compartilhando as coisas sem prestar atenção nas informações e até muito voltada para as expectativas que estavam colocando em mim. [...] Você tem que ter propriedade para falar, para não correr o risco de ferir o outro. E eu feri, machuquei. Reconheço isso”, disse ela.

Em seguida, ela explicou as intenções que teve ao republicar o vídeo. “Eu compartilhei com a intenção de mostrar justamente para quem usa da palavra [religião] para desrespeitar, e eu nunca vou concordar com isso”, afirmou a blogueira, relatando descontentamento consigo. “Fiquei muito triste porque, na hora, meu desespero foi ter ferido as pessoas que eu amo”, disse Rafa, que se emocionou durante o papo e vê também um lado positivo em ter enfrentado críticas sobre o assunto.

rafa kalimann 3 0921 1400x800
Reprodução/YouTube/Pod Delas

“Foi muito ruim para mim viver aquilo, mas eu aprendi, entendi que a gente tem que estar muito mais atenta, o dobro do que o normal, muito mais do que as pessoas normalmente ficam justamente para não correr esse risco. Quando a gente vai falar sobre uma coisa, a gente tem que estudar, aprofundar. É óbvio que a gente não vai saber tudo sobre tudo, então a gente precisa escolher o assuntos que a gente vai abordar, porque tem o risco de ferir muito as pessoas e eu não quero isso”, afirmou.

Desde então, ela tem focado em se abrir a novas discussões em vez de confiar no conhecimento que tem a partir da convivência com pessoas homossexuais. “Eu entendi que tem que ser além disso. Para falar sobre, defender... Na minha intenção de ajudar de alguma maneira, eu tenho que ter propriedade. Errei nisso. Errei por não ter prestado atenção e levado só na minha interpretação, não ter olhado por outros ângulos”, esclareceu.

rafa kalimann 2 0921 1400x800
Reprodução/YouTube/Pod Delas

Na sequência, a finalista do “BBB 20” abordou também o cancelamento, afirmando ter encarado mensagens tensas na ocasião. “Muitas pessoas levam para um lugar muito pesado, porque eu fui ameaçada de morte quando isso aconteceu. Foi muito pesado mesmo”, disse ela. Enfatizando que entendeu o próprio erro e que estava se referindo ao hábito da internet de “cancelar” pessoas, ela seguiu discutindo o assunto, propondo equilíbrio.

“Não vou nem usar esse contexto porque, nesse contexto, eu entendi a proporção. Mas acho que as pessoas julgam muito e não levam em consideração o que a pessoa desejou. Acho que tem muita coisa intencional e não intencional. Tem aquele que fala com intenção de ferir, machucar, fazer sangrar. E tem aquele que fala com intenção de ajudar e fere com isso. O processo de conhecimento é muito individual, está muito dentro da vivência de cada um”, concluiu.

rafa kalimann 1 0921 1400x800
Reprodução/YouTube/Pod Delas

Polêmicas