pop

Novelas já tiveram que substituir outros atores: veja o que aconteceu em cada caso

domingos luiz daniella 0916 1400x800
Globo/Caiuá Franco/Fabrício Mota/gloriafperez/instagram

A morte de Domingos Montagner chocou a todos nesta quinta-feira (16). O ator, que era o protagonista Santo na novela das 9 "Velho Chico", foi arrastado pela correnteza do rio São Francisco após um mergulho no início da tarde, acompanhado da colega de elenco Camila Pitanga, seu par romântico. 

Como Domingos gravava as cenas finais de "Velho Chico", ainda não se sabe qual será o destino de seu personagem ou mesmo da novela, prevista para terminar no dia 30 de setembro. Até a manhã desta sexta-feira (16), a Globo não havia decidido o que fazer.

A morte do ator não é a primeira na trama, que também perdeu Umberto Magnani em abril deste ano. O personagem vivido por ele, padre Romão, foi substituído pelo sacerdote Benício, interpretado por Carlos Vereza."Velho Chico", no entanto, não foi a primeira novela a sofrer com baixas no elenco. Outras tramas também precisaram substituir seus atores por diversos motivos.

Veja a lista de 16 atores e atrizes que tiveram que ser substituídos durante as filmagens de novelas. 

Atores substituídos em novelas 

Umberto Magnani    

umberto magnani chico 0916 1400x800
Globo/Caiuá Franco

O ator de 75 anos vivia o Padre Romão em Velho Chico. Em abril de 2016, ele sofreu um acidente vascular cerebral (AVC) durante as gravações e chegou a ser levado para o hospital, passando por uma cirurgia, mas não resistiu e faleceu no dia 27 de abril. Na novela, ele foi substituído pelo ator Carlos Vereza, que interpreta o padre Benício, amigo de Romão, que assumiu a paróquia de Grotas de São Francisco

Jardel Filho

jardel filho globo 0916 1400x800
Reviva/youtube

O ator, que era protagonista da novela das oito “Sol de Verão”, sofreu um ataque cardíaco fulminante em 1983, aos 54 anos. O autor da novela, Manoel Carlos, ficou tão abalado com o acontecimento que deu a responsabilidade de terminar o roteiro da novela a Lauro César Muniz. Na trama, o personagem de Jardel simplesmente desapareceu.

Daniella Perez

View this post on Instagram

Hoje faz 22 anos: 22 anos que ela não pôde viver!

A post shared by Gloria Perez (@gloriafperez) on

A morte da filha da autora Glória Perez foi muito chocante para todos da emissora. Aos 22 anos, ela protagonizava Yasmin na novela escrita por sua mãe, “De Corpo e Alma”. Ela foi assassinada por seu colega de elenco, Guilherme de Pádua (seu par romântico na novela), e a mulher dele, Paula Thomaz. Na novela, a ausência de Yasmin foi explicada por um intercâmbio e o personagem de Guilherme de Pádua simplesmente desapareceu da história.

Sérgio Cardoso

sergio cardoso globo 0916 1400x800
Ciro Valdez Ancelmo/youtube

O ator era protagonista da novela das 7, “O Primeiro Amor”, em 1972. Aos 47 anos, morreu vítima de um ataque cardíaco, faltando apenas 28 episódios para o final da novela. Seu personagem, Luciano, foi então interpretado pelo ator Leonardo Villar. A substituição não foi sutil – uma cena (já gravada) de Cardoso saindo de um cômodo foi congelada, e o ator José Paulo leu um texto anunciando a mudança e homenageando o ator. Depois, a cena voltava ao início, mas, dessa vez, com o personagem interpretado por Leonardo Villar.

Chiquinho Brandão

chiquinho brandao globo 0916 1400x800
TV Abobrinha/youtube

Chiquinho Brandão morreu em um acidente de carro enquanto voltava das gravações da minissérie “O Sorriso do Lagarto”, em 1991. Ele já havia gravado 20 capítulos da trama, e, para compensar a ausência do ator, um primo do personagem, vivido por Stephan Nercessian, o substituiu.

Miriam Pires

miriam pires atriz 0916 1400x800
TV Globo / João Miguel Júnior

A veterana da Globo estava em “Senhora do Destino” como a governanta Clementina, melhor amiga de Maria do Carmo (Suzana Vieira) quando morreu em decorrência da toxoplasmose. A atriz já estava internada há três meses e foi substituída por sua filha na trama, vivida por Cristina Müllins, que lançou um livro com receitas da mãe na trama.

Luiz Carlos Tourinho

luiz carlos tourinho 0916 1400x800
TV Globo / Fabrício Mota

Luiz Carlos Tourinho, conhecido pela série “Sob Nova Direção”, interpretava Nezinho na novela “Desejo Proibido“, em 2008, quando sofreu um aneurisma cerebral, que já tratava desde 2005. O ator morreu aos 43 anos e seu personagem simplesmente sumiu.

Drica Moraes 

drica moraes atriz 0916 1400x800
Globo/João Cotta

A atriz Drica Moraes descobriu em 2010 que estava com leucemia e começou o tratamento, ficando com a saúde fragilizada depois de todo o processo. Em 2014, ela foi escalada para fazer a vilã Cora na novela “Império”. Durante as filmagens, Drica ficou uma semana afastada devido a uma faringite e, depois, foi afastada de vez, sendo substituída por Marjorie Estiano, que interpretou a versão jovem de Cora na novela.  

Gerson Brenner

gerson brenner globo 0916 1400x800
NewsBrasil/youtube

Considerado um dos galãs dos anos 90, Gerson Brenner foi vítima de um assalto em 1998 quando fazia uma viagem de carro de São Paulo para o Rio de Janeiro e precisou parar na rodovia para trocar o pneu. O ator levou um tiro na cabeça e passou meses em coma, sofrendo diversas sequelas. Hoje em dia, ele vive em uma cadeira de rodas. Na época do acontecimento, tinha acabado de gravar as cenas finais da novela “Corpo Dourado”.

Rogério Cardoso

rogerio cardoso globo 0916 1400x800
Victor Albergaria/youtube

O ator interpretava Seu Floriano, o avô da série “A Grande Família”, quando faleceu em decorrência de um infarto em 2003, aos 66 anos. Ele foi substituído pelo ator Francisco Milani, que interpretava Juvenal, o Tio Mala, que aparecia esporadicamente na série. Em 2005, o ator também morreu, vítima de câncer.   

Nair Bello

nair bello atriz 0916 1400x800
TV Globo / João Miguel Júnior

A veterana Nair Bello estava escalada e chegou a gravar algumas cenas para a novela “Pé na Jaca”, em 2006. Porém, uma semana antes da estreia, a atriz sofreu uma parada cardíaca, ficou cinco meses em coma e morreu em 2007. Nair foi substituída por Arlete Salles, que refez todas as suas cenas.

Mara Manzan

mara manzan globo 0916 1400x800
TV Globo / João Miguel Júnior

Em 2008, enquanto atuava na novela “Duas Caras”, Mara Manzan descobriu que estava com câncer no pulmão. Ela fez um tratamento, se recuperou e foi escalada para a novela “Caminho das Índias” em 2009. Durante a novela, no entanto, ela precisou se afastar para novas sessões de quimioterapia e foi substituída pela atriz Thaís Garayp, que interpretou uma prima da personagem de Mara. Dois meses após o fim de "Caminho das Índias", a atriz morreu.

Vera Fischer

vera fischer globo 0916 1400x800
TV Globo / João Miguel Júnior

A renomada atriz da Globo estava cotada para fazer uma personagem na novela "Pátria Minha", de 1994. Porém, foi afastada devido ao turbulento fim de casamento com o ator Felipe Camargo.

Fábio Assunção

Outro que precisou ser substituído às pressas foi Fábio Assunção, confirmado no elenco da novela “A Favorita” (2008). No entanto, ele precisou de afastar por rpoblemas pessoais. Ele seria o vião Dodi, ao lado de Patrícia Pillar e Claudia Raia, e foi substituído por Murilo Benício.

Maitê Proença

Maitê Proença participaria de “Roda de Fogo”, em 1986, mas abandonou a novela após problemas com a equipe do diretor Wolf Maia. Segundo rumores, ela também não se dava bem com o autor Walther Negrão.

Ana Paula Arósio

ana paula arosio 0916 1400x800 0
TV Globo / Márcio de Souza

A atriz, que andava sumida da televisão, foi escalada para viver a protagonista de “Insensato Coração”, de 2011. Ela chegou a gravar as primeiras cenas da novela, mas, antes da estreia, decidiu que não faria mais parte do projeto e não deu maiores explicações. Ela acabou sendo substituída por Paolla Oliveira e não fez mais nenhum trabalho na tevê.

Morte de Domingos Montagner