Como entender as 5 linguagens do amor pode transformar a sua relação

beijo casal carinho 0417 1400x800
Maxim Maksutov/shutterstock

“Amor é o que você faz e diz, não apenas o que você sente". A afirmação de Gary Chapman, escritor e coach de relacionamento, ajuda a resumir bem a ideia que ele transmite em seu livro “As Cinco Linguagens do Amor”, best-seller traduzido para mais de 30 idiomas.

De acordo com o conselheiro amoroso, casa pessoa nasce com uma maneira de identificar, receber e dar amor. Compreender as 5 linguagens do amor, segundo o especialista, pode transformar sua relação afetiva.

Cada pessoa tem uma ou duas linguagens predominantes, isto é, a forma principal que usa para dar amor e espera recebê-lo. É possível descobrir a sua através do livro ou testes online e, desta forma, compreender melhor seu parceiro, amigos e familiares. Entenda como é cada linguagem:

As 5 linguagens do amor

casal conversa cama 0817 1400c800
Dmytro Zinkevych/Shutterstock

Palavras de afirmação

Para pessoas que têm esta linguagem como predominante, o amor é expressado por meio de palavras, frases, incentivos e apoios. São expressões que ajudam a transmitir o amor que uma pessoa sente pela outra em situações cotidianas, sem necessariamente estarem envolvidas em grande romantismo.

Frases de elogio, apoio e incentivo são exemplos claros de amor afirmativo: “Você cozinha muito bem”, “Você domina esta tarefa como ninguém”’, “Tudo vai dar certo”, “Pode contar comigo”, etc.

casal gay viagem 0217 1400x800
Olesia Bilkei/shutterstock

Tempo de qualidade

Para essas, amar está completamente ligado a dedicar-se inteiramente a uma pessoa quando estiver com ela, sem interrupções ou distrações (como o celular).

Consiste na proximidade com a pessoa amada, realizando programas a dois, compartilhando ideias, sem pressa e com dedicação real. É uma demonstração de extrema importância para fortalecer a conexão do casal.

presente doacao generosidade 0917 1400x800
nito/Shutterstock

Presentes

Para algumas pessoas, dar presentes ou lembrancinhas é a forma que elas encontram de expressar o amor. Neste caso, o que menos importa é o valor do presente.

A intenção e o significado por trás do mimo é o que conta, pois significa que ela pensou na pessoa amada em algum momento de seu dia e dedicou um tempo para adquirir uma lembrancinha (comparada ou não) que irá fazê-la feliz. Pode ser uma simples flor, um bilhetinho, um bombom, enfim, algo que represente algo especial na vida do casal.

casal cozinhando programa 0217 1400x800
Rawpixel.com/Shutterstock

Gestos de serviço

Atitudes são mais valiosas do que palavras para as pessoas que têm "gestos de serviço" como linguagem principal.

Elas expressam carinho ao realizar tarefas do dia a dia, ajudar o parceiro em afazeres práticos e valorizar as ações cotidianas.

casal carinho beijo 0119 1400x800
Roman Samborskyi/shutterstock

Toque físico

Por fim, a última linguagem do amor é aquela expressada por meio de beijos, abraços, cafuné, massagem e até cócegas. Para quem demonstra afeto desta forma, o importante é tocar (com consentimento, é claro) a pessoa amada e sentir-se conectado a ela.

Os carinhos em geral são linguagens amorosas sensoriais que promovem conforto, segurança e bem-estar.

Relacionamentos amorosos