Ellen Pompeo explica por que "Grey’s Anatomy" provavelmente NUNCA vai acabar

greys anatomy meredith 0118 1400x800
Jordin Althaus/© 2011 American Broadcasting Companies, Inc.

Com 14 temporadas na conta e mais 2 garantidas, "Grey's Anatomy" se tornou referência quando o assunto é série de sucesso. Mesmo após a saída de personagens importantes, como Derek (Patrick Dempsey), Cristina (Sandra Oh) e Callie (Sara Ramirez) ao longo dos anos, a primeira produção de Shonda Rhimes nunca esteve ameaçada de chegar ao fim. 

Protagonista da série desde o primeiro episódio como Meredith Grey, Ellen Pompeo falou sobre a longevidade da série ao site Deadline - e explicou por que acha que "Grey's" ainda não tem data para acabar.

"Grey's Anatomy": fim da série

greys anatomy medicos 0217 1400x800
Kelsey McNeal/ABC

De acordo com a atriz, a série, que ganhou quase uma vida própria, conquista novos espectadores diariamente e o episódio piloto, disponível na Netflix, soma cerca de 200 mil visualizações por mês, comprovando a necessidade de mais episódios para a história, além de ser o programa número 1 de audiência.

Os números, inclusive, servem como incentivo para toda a equipe manter o trabalho.

"Não é como se a temporada 14 estivesse ruim com os números, é a série número 1 da emissora neste ano. Então nós estamos todos relaxados, rindo, dizendo: 'Por quanto tempo conseguimos manter esse nível?'. Estamos quase em uma competição com nós mesmos".

alex jo greys anatomy 0917 1400x800 2
@ 2017 American Broadcasting Companies

Além disso, a nossa eterna Meredith ressalta o importante papel social que a série desempenha desde o primeiro episódio, com uma protagonista feminina forte e independente numa época em que a TV ainda não abordava o empoderamento feminino, por exemplo.

"Este programa tem estado na frente de batalha de tantas causas, com personagens gays, com personagens negros, com mulheres. Nós estivemos fazendo isso por muito tempo, e acho que estamos felizes em ver que o restante do mundo está tentando nos alcançar", disse.

"Grey's" se tornou um importante mecanismo de reflexão e conscientização social contra a intolerância e a homofobia e esse é um dos grandes motivos que, para a atriz, prova que a série não pode acabar tão cedo.

Mais sobre "Grey's Anatomy"