pop

Criadora de "Grey's" se arrepende de matar personagem - e não é quem você pensa

meredith greys anatomy 0417 1400x800
Richard Cartwright - © 2016 American Broadcasting Companies, Inc.

Se você acompanha "Grey's Anatomy" desde o início, deve saber que a criadora, Shonda Rhimes, já matou vários personagens em 13 anos de série. Protagonistas ou não, médicos ou meros pacientes, eles foram tirados da história sem a menor piedade, por motivos até curiosos nos bastidores.

Depois de tantas tragédias, porém, Shonda declarou ter se arrependido da morte de um personagem em especial - e não, não estamos falando de Derek Shepherd (Patrick Dempsey). Lembra daquele episódio duplo, em que Meredith (Ellen Pompeo) teve que segurar uma bomba dentro de um paciente? Pois é, nem a própria criadora da série superou esse acontecimento.

Cuidado, contém spoilers!

Episódio da bomba em "Grey's Anatomy"

greys anatomy frases 1116 1400x800
Ron Tom - © 2013 American Broadcasting Companies, Inc. All rights reserved.

Na sequência de episódios "It's the End of the World" e "As We Know It" ("É o Fim do Mundo" e "Como Nós Sabemos", em tradução livre), o hospital recebe um paciente em estado crítico, com uma bomba instável dentro da cavidade torácica.

A única coisa que impedia que ela explodisse era a mão de uma paramédica muito jovem, que em um momento de desespero, foi substituída pela de Meredith. O esquadrão anti-bombas foi chamado para controlar a situação, e o agente responsável por acalmar o ambiente e retirar a bomba em segurança dali era Dylan Young (Kyle Chandler).

dylan young greys anatomy 0417 1400x800
Richard Cartwright - © 2012 American Broadcasting Companies, Inc.

Depois de muita tensão no ambiente, e Meredith repensando toda sua vida, achando que não sairá viva da situação, Dylan consegue retirar a bomba do paciente. Fora da sala de cirurgia, caminhando em passos MUITO lentos, tudo parecia terminar bem. Mas, tratando-se de Shonda Rhimes, sabemos que não é bem assim. A bomba explode, e Dylan morre.

O personagem só atuou no episódio duplo, mas conquistou o coração dos fãs pela sensatez e paciência com Meredith. Nem o elenco esperava que Dylan fosse tão marcante na história. Em entrevista à Entertainment Weekly, Shonda, Ellen Pompeo e Peter Horton, diretor do episódio, revelaram detalhes sobre os bastidores da cena.

shonda rhimes 1116 1400x800
Paul Zimmerman/Getty Images

"Eu me lembro de pensar que Kyle Chandler era fantástico. Não fiquei surpresa por sua carreira ter decolado depois, porque ele era muito natural", relembra Ellen. "Ele me sugeria ideias para que Dylan, seu personagem, não explodisse, e eu tinha que mostrar a frase no script que explicava sua morte. Ele foi escrito para explodir, mas eu não esperava ter Kyle Chandler", explica Shonda.

Segundo Ellen, ela teve que atuar sem dublê, o que a deixou extremamente nervosa. "Nós [Ellen e Horton] tivemos uma briga feia nos bastidores, porque a dublê que faria a cena da explosão tinha batido a cabeça. Eu gritava, 'Uma dublê profissional teve uma concussão gravando. Eu estou trabalhando há 18 horas, mal consigo enxergar direito, e vocês querem que eu faça?'".

No fim das contas, Ellen gravou a cena, e ninguém esperava que esse momento se tornaria tão icônico. "Nada parecia tão monumental na época, porque não fazíamos ideia do quanto a série poderia durar", conclui a atriz.

E para você, qual é o momento mais marcante de "Grey's Anatomy"?

Tudo sobre "Grey's Anatomy"