Como fazer para a máscara de proteção não machucar as orelhas

mascara orelha elastico coronavirus 0620 1400x800
Tiwiplusk/Shutterstock

Máscaras, sejam elas de tecido, cirúrgicas ou de outros tipos, são essenciais na prevenção do novo coronavírus, mas elas não são os itens mais confortáveis do mundo. Elas podem, por exemplo, causar um grande desconforto nas orelhas, mas, assim como é simples fazer a máscara parar de embaçar os óculos, há uma técnica fácil para evitar a dor nessa região durante uso prolongado.

Extensor para máscaras: como fazer?

Ao usar máscaras, é comum – principalmente para profissionais de saúde, que ficam com elas durante mais tempo – sentir dor nas orelhas e até ver esse desconforto evoluir para dores de cabeça. Este problema, no entanto, é fácil de solucionar: basta criar um extensor para os elásticos do item, ou improvisar um desses com algo já existente, como prendedores de cabelo.

mascara de tecido coronavirus 0620 1400x800
Anjurisa/Shutterstock

Em uma de suas participações diárias no “Encontro com Fátima Bernardes” (Rede Globo), a apresentadora Ana Maria Braga mostrou como o colega Fabrício Battaglini também criou um extensor para as próprias máscaras – e é bastante simples. Conforme mostrou o apresentador, basta usar uma tira elástica, dois botões comuns e dar alguns pontinhos com uma agulha.

Aqui, a ideia é selecionar cerca de um palmo do elástico e costurar um botão em cada ponta da tira. Em seguida, é preciso fazer pequenos buraquinhos ao longo da tira elástica com uma tesoura (basta dobrar a fita em vários intervalos e fazer cortes com a tesoura na horizontal. Uma vez pronto, o extensor deve ter as extremidades presas aos elásticos da máscara, usando os buracos para passar o botão e manter tudo bem preso.

extensor mascara orelhas 0620 1400x800 1
Reprodução/Rede Globo

Na hora de vestir, é possível tanto posicionar a máscara normalmente, “envolvendo” as orelhas nos elásticos (mas sem puxá-las, graças ao extensor) quanto deixá-los abaixo da orelha, e então basta abotoar a peça improvisada de forma mais justa ou mais frouxa conforme for necessário. Além disso, também é possível fazer com botões de pressão em tiras de tecido partindo do mesmo princípio, como exemplificado no vídeo abaixo:

Já para quem não tem habilidade com linha e agulha, uma ideia é usar um elástico de cabelo (que não pode ser muito grosso) e botões do tipo que tem uma espécie de “alça” fixada na parte de trás em vez de buraquinhos. Aqui, a ideia é cortar o elástico, passar cada uma das extremidades pela “alça” dos botões, levando-os até o centro, e amarrando as pontinhas. Por fim, basta passar os elásticos da máscara pelos botões.

Truque simples com cabelo também é opção

Por fim, para quem tem cabelos compridos, também é possível “transformá-los” em um extensor. Basta dividi-los ao meio e fazer dois pequenos coques baixos, um de cada lado da cabeça, e então vestir a máscara, mas passando os elásticos dela pelos coques em vez de colocá-los em torno das orelhas. Tudo isso, além de reduzir o desconforto, também ajuda a ajustar peças que estiverem largas.

Veja como no vídeo abaixo, a partir do 11min20s:

Máscaras: dicas, orientações e mais