Espirrar ou tossir com mão na frente é errado e aumenta risco de espalhar COVID-19

tosse resfriado frio 0220 1400x800
Josep Suria/Shutterstock

Doenças respiratórias, como a COVID-19, causada pelo novo coronavírus, costumam ser transmitidas por gotículas expelidas pela boca ou pelo nariz e, justamente por isso, existe a recomendação básica e de cobrir o rosto ao espirrar e tossir. O que muita gente não sabe é que fazer isso apenas com as mãos pode, na verdade, ajudar a espalhar os vírus e bactérias ainda mais em vez de impedir sua disseminação.

Tossir e espirrar nas mãos ajuda a transmitir doenças

espirro tosse virus 0220 1400x800
Lightspring/Shutterstock

Especialmente devido à confirmação do primeiro caso de coronavírus no Brasil, a prevenção de doenças respiratórios é um assunto que tem sido bastante comentado e recomendado, e apesar de em geral as pessoas conhecerem parte dos hábitos que ajudam a impedir a transmissão destes males, boa parte delas faz um deles de forma errada.

Chamado de “etiqueta da tosse” ou “etiqueta respiratória”, cobrir as vias respiratórias ao tossir ou espirrar é essencial para impedir a disseminação e micro-organismos, mas não se faz isso diretamente com as mãos. Isso porque as mãos são usadas o tempo todo, tocando bens pessoais e o rosto, algo que, segundo órgãos de saúde, impulsiona a transmissão.

Forma correta

espirrar tossir lenco cotovelo 0220 1400x800
Irina Strelnikova/Shutterstock

Segundo o Ministério da Saúde, a forma correta de reduzir os riscos de transmitir ou contrair doenças respiratórias (como o coronavírus, a influenza e outras) é ter um lenço em mãos na hora de cobrir a boca e o nariz ao espirrar ou tossir, e ele deve ser descartado em seguida.

Na falta de um lenço, a ideia é dobrar o braço e usar a parte interna do cotovelo como barreira, já que ela não faz tanto contato com outras superfícies como as mãos fazem.

espirro tosse braco 0220 1400x800
CGN089/Shutterstock

Caso as mãos sejam usadas sem um lenço, o indicado é lavá-las logo em seguida - outro hábito de higiene que, de acordo com órgãos de saúde, é bastante indicado. Especialmente antes de consumir algum alimento ou tocar os olhos, a boca ou o nariz, é importante higienizar as mãos - algo que deve ser feito com água e sabão e, caso não seja possível, com desinfetantes para as mãos à base de álcool.

Além disso, também faz parte da “etiqueta respiratória” manter os ambientes ventilados para garantir uma boa circulação de ar, evitar aglomerações, não compartilhar objetos pessoais como talheres, pratos, copos e garrafas, evitar contato próximo com pessoas que apresentem sintomas de gripe e adotar bons hábitos de saúde como uma alimentação saudável para fortalecer a imunidade.

rinite resfriado espirro 1218 1400x800
WAYHOME studio/shutterstock

Tem uma dúvida de saúde? Envie para vixresponde@vix.com e ela poderá ser respondida por um especialista em nossa nova coluna: VIX Responde.

Doenças respiratórias