Endometriose pode virar câncer ou não e mais dúvidas sobre a doença

endometriose utero ilustracao 0219 1400x800
sciencepics/Shutterstock

Caracterizada pela presença do endométrio (camada que reveste a região interna do útero) fora do órgão, a endometriose pode atingir mulheres logo a partir das primeiras menstruações até a menopausa. De acordo com informações da Associação Brasileira de Endometriose (SBE), a condição atinge mais de 6 milhões de brasileiras.

Além de provocar dores pélvicas, desconfortos durante as relações sexuais, cólicas e sangramento ao urinar na época da menstruação, a endometriose pode provocar infertilidade quando não tratada corretamente.

utero endometriose exame 0819 1400x800
Visual Generation/Shutterstock

Endometriose e infertilidade

Mulheres com endometriose podem engravidar, mas pode haver dificuldades, já que o problema causa obstruções, aderências e outras alterações que dificultam a implantação e manutenção do embrião, podendo resultar até mesmo em gravidez fora do útero.

Endometriose pode virar câncer?

Estudos têm procurado determinar uma relação entre endometriose e câncer, mas os resultados ainda não são conclusivos.

endometriose utero 0117 1400x800 1
Lightspring/Shutterstock

Enquanto algumas pesquisas indicam um aumento no risco de certos tipos de câncer em mulheres com endometriose, as chances não são muito maiores do que aquelas que não sofrem da condição.

A ginecologista e mastologista Heliégina Palmieris explica que há estudos que indicam que as células endometriais podem evoluir para o câncer, mas que a endometriose em si é benigna.

De acordo com o ginecologista e obstetra Arlindo Brun, não há associação direta entre endometriose e câncer. Porém, o médico alerta que, quando a paciente apresenta um quadro semelhante ao da condição, não deve ser descartada a possibilidade de câncer de endométrio, uma vez que os sintomas podem se confundir.

O câncer de endométrio é, segundo o profissional, um dos tipos mais comuns em mulheres e também causa uma mudança no padrão do revestimento do útero.

endometriose em outros orgaos 1116 1400x800
Sogno Lucido/shutterstock

Endometriose: diagnóstico e tratamento

É bastante comum a demora em descobrir um quadro de endometriose, já que seus sintomas são bastante amplos e pouco específicos. Por isso, é essencial relatar todos os sinais ao médico e insistir em investigar o que pode estar acontecendo.

Exames de sangue, de imagem e físicos podem pré-determinar a existência da doença, porém o diagnóstico correto só é feito por biópsia.

endometriose 0418 1400x800
Shidlovski/Shutterstock

Segundo a SBE, a endometriose não tem cura definitiva, mas o tratamento adequado pode melhorar seus sintomas e consequências, oferendo uma vida normal à paciente.

Por ser uma doença benigna, a endometriose não mata, mas pode afetar severamente a qualidade de vida da mulher, sendo imprescindível controlá-la e tratá-la previamente.

Sintomas de endometriose