Posso depilar tudo ou os pelos servem para proteger região íntima? Médica responde

depilacao cera pelos 0519 1400x800
New Africa/Shutterstock

Entre tantas técnicas e estilos diferentes de depilação íntima, muitas mulheres preferem lidar com os pelos pubianos da maneira mais prática possível: simplesmente remover tudo para ficar com a virilha lisinha. Mas será que isso tira a proteção natural do órgão genital?

Esta é uma das questões mais frequentes no consultório da ginecologista Laura Lúcia Martins. Por isso, ela fez um vídeo no Youtube para esclarecer a dúvida, e obteve mais de um milhão de visualizações. A resposta é: pode depilar tudo sim, mas tome cuidado com sua pele.

Pelo pubiano serve como proteção natural?

Segundo a médica, os pelos já não cumprem mais a função de proteger a região íntima da mulher. Isso só acontecia quando não existiam noções básicas de higiene pessoal, água tratada, privadas adequadas, saneamento básico ou mesmo papel higiênico.

virilha depilacao gilete 1112 1400x800
Vladimir Gjorgiev/Shutterstock

Os únicos pelos que ainda servem para proteger partes do corpo são os do nariz, os cílios e a sobrancelha. "Em todos os outros lugares, podemos viver bem sem eles", explica a ginecologista. Na verdade, o excesso de pelos pubianos pode até aumentar o abafamento da área e contribuir para o surgimento de fungos e mau cheiro.

Cuidados para a depilação íntima

Depilar a virilha é importante para manter a região arejada e limpa, mas aquelas mulheres com a pele mais sensível acabam sofrendo com outros problemas ao remover os pelos: coceira, foliculite e outras lesões dermatológicas podem surgir após o uso de cera ou lâmina.

A opção mais prática nestes casos é simplesmente aparar os pelos para deixá-los curtinhos sem agredir a pele. Técnicas de depilação a laser ou com luz pulsada também podem ajudar a ficar com a virilha lisinha e saudável.

Dúvidas sobre depilação íntima