Tosse seca, com catarro e mais 6 tipos: como tratar com remédio e receitas naturais

tosse virus
mssa/shutterstock

A tosse é um dos mais comuns e principais sintomas de infecções respiratórias, frequentes nos períodos de inverno. De acordo com o médico Hélio Osmo, a tosse é uma manifestação de defesa do corpo indicando que existe algum agente agressor.

Apesar de parecer um sintoma simples de tratar, o quadro pode apresentar algumas diferenças, que vão determinar a forma mais adequada de tratá-lo.

Tosse seca

A tosse seca, com ausência de secreção, pode ser causada por processo alérgico, irritativo, inflamação causada por gripes e resfriados, entre outros. O tratamento normalmente indicado para este tipo é o uso de antitussígenos, remédios que agem inibindo o reflexo da tosse.

Rinite alérgica, faringites, laringites, amigdalites e até pneumonia são algumas das condições que podem causar tosse seca, além de gripes e resfriados.

virus gripe infeccao 0319 1400x800
Lightspring/shutterstock

Tosse noturna

A tosse noturna, assim como as demais, normalmente é causada também por gripes, resfriados ou alergias. Ela tende a piorar à noite porque, quando estamos deitados, aumenta nas vias respiratórias o acúmulo de secreções que estimulam a tosse.

Tosse seca e constante

A tosse constante e sem secreção pode ser sinal de refluxo. O sintoma, neste caso, geralmente aparece após o consumo excessivo de comidas ácidas ou apimentadas. O uso de um medicamento protetor gástrico, com orientação médica, e o controle alimentar já são capazes de evitar e combater a crise de tosse.

Tosse seca duradoura

Se você está sofrendo de crise de tosse seca há 3 semanas, fique atento. O sintoma é muito comum em casos de tuberculose e merece atenção. Portanto, procure um médico se, além da tosse persistente, você apresentar sinais como febre, sudorese noturna, cansaço e perda de peso sem motivo aparente.

tosse seca doente 0917 1400x800
Danomyte/Shutterstock

Tosse alérgica

Ao contrário das tosses causadas por gripes e resfriados, a tosse alérgica costuma ser seca e não vem acompanhada de sintomas como fadiga, perda de apetite e febre. Geralmente é causada por gatilhos que provocam alergias, como poeira, poluição, fumaça de cigarro, pelos de animais e mudanças de temperatura.

Tosse com catarro

A tosse com catarro, chamada de produtiva, é caracterizada pela presença de secreção, geralmente originada por um processo infeccioso, como gripes ou resfriados.

A tosse com catarro transparente não deve causar preocupação, mas pode indicar problemas mais sérios de saúde se apresentar outra coloração e for acompanhado de outros sintomas, como falta de ar, que pode ser indício de bronquite.

dor de garganta 0117 1400x600
Anatomy Insider/Shutterstock

Tosse com catarro verde ou amarelo

A coloração diferenciada da secreção pode ser sinal de infecção bacteriana. Neste caso, o tratamento deve ser orientado pelo médico, que pode indicar o uso de antibióticos.

Tosse com sangue

Também chamada de hemoptise, a tosse com sangue é a que costuma causar mais preocupações e, de fato, pode ser provocada por problemas mais sérios de saúde, como pneumonia, tuberculose, embolia pulmonar e até mesmo câncer de pulmão, entre outros.

Neste caso, consultar um médico é fundamental para conhecer a causa exata da tosse com sangue e, a partir do diagnóstico, dar início ao tratamento mais adequado.

O que fazer para passar a tosse?

febre e gripe h1n1
Dreamerdesign/shutterstock

Remédios para a tosse

No caso de tosse com catarro, o tratamento mais indicado sem quadros de infecção é o uso de xarope expectorante, que fluidifica as secreções, permitindo que o corpo a expulse de forma mais fácil, limpando o pulmão e as vias aéreas. Em casos de tosse seca, o uso de remédios antitussígenos costuma ser o mais indicado por médicos.

Receitas caseiras contra tosse

Xarope caseiro de guaco

A planta é rica em cumarina, substância que age no sistema respiratório ajuda no combate a tosse e resfriados. O xarope de guaco caseiro é broncodilatador, ou seja, abre as vias áreas e ajuda a respirar melhor, e expectorante, já que facilita a eliminação de secreções.

mel xarope 10
bhofack2 / Istock

Chocolate

O doce pode ajudar a afastar a tosse graças à teobromina, uma substância presente no cacau que tem efeito medicinal. Estudos indicam que o composto é ainda mais eficiente para acabar com o incômodo do que a codeína, comum em medicamentos contra a tosse, pois forma um revestimento que protege terminações nervosas na garganta, que desencadeiam o desejo de tosse.

mel de abelha 0918 1400x1024
Africa Studio/Shutter Stock

Mel

O alimento realmente tem poder medicinal e pode reduzir a gravidade, frequência e natureza incômoda da tosse noturna e de infecções respiratórias.

Chá de cravo-da-Índia

A bebida pode ser aliada contra tosse ao agir como expectorante natural que ajuda a soltar o muco presente na garganta e no esôfago. Para preparar o chá, ferva 2 xicaras de água e, quando estiver borbulhando, desligue o fogo e acrescente 1,5 g da especiaria. Tampe, espere esfriar e coe antes de beber.

cha cravo india 1018 1400x800
mirzamlk/shutterstock

Acupressão para tratar a tosse

Alguns pontos de pressão como abaixo da clavícula, traqueia e a parte interna do cotovelo ajudam a melhorar a tosse. Saiba como estimular esses pontos no vídeo e aprenda a forma correta de usar a acupressão para melhorar diversos tipos de tosse.

Tosse: causas e tratamentos