Cheque 6 sinais de que sua área íntima está desequilibrada (+ o que fazer para ajudá-la)

calcinha verde 1400x800
Mia Kotiv/ShutterStock

Em algum momento de nossas vidas, é quase certo que as mulheres experimentam uma infecção vaginal, por isso é muito importante que estejamos atentas aos sinais de alerta, a fim de agir a tempo.

Se você não tem certeza do que são, não se preocupe! Aqui deixamos um checklist superútil, que a ajudará a saber se algo estranho está acontecendo em sua área íntima e algumas soluções que podem ajudá-la a se sentir melhor.

Sinais de má saúde íntima

checa 6 senales de que tu zona intima esta fuera de balance y que hacer para ayudarla2
TierneyMJ/shutterstock

O equilíbrio da vagina está diretamente relacionado aos microrganismos que vivem naturalmente nela e é graças ao pH ácido que é mantido em equilíbrio. É importante que estejamos cientes de quaisquer mudanças em nossa área íntima, pois elas poderiam refletir uma infecção como a candidíase, uma das mais comuns e que cerca de 75% das mulheres experimentarão pelo menos uma vez em suas vidas.

Os seguintes sintomas irão ajudá-la a saber se você está passando por uma infecção causada pelo fungo candida.

1. Comichão

2. Ardência ou irritação

3. Corrimento branco ou amarelado

4. Dor ao urinar

5. Inflamação

6. Dor no sexo

É importante que você verifique a vulva, para detectar os pontos 1, 2 e 5. Com relação ao fluxo, recomenda-se que seja verificado quando estiver úmido. Lembre-se que o fluxo normal varia sua cor e consistência: os primeiros 14 dias de seu período são transparentes e na segunda metade parece mais espessa, branca e inodora.

Como tratar?

checa 6 senales de que tu zona intima esta fuera de balance y que hacer para ayudarla3
Mark Nazh/shutterstock

Depois de analisar o que acontece em sua área íntima, bem como a intensidade dos sintomas, você pode aplicar as dicas a seguir para resolver o problema e impedir que isso aconteça novamente.

  • Tratamento antifúngico: Existem opções que abordam sintomas internos e externos, através da aplicação de óvulos e creme. Estes tratamentos demoram 3 dias e são de amplo espectro para infecções vaginais causadas por fungos e leveduras. Se os sintomas não desaparecerem, não hesite em visitar o médico.
  • Lavagem delicada: esqueça os chuveiros vaginais, a menos que seu médico indique, pois estes podem alterar o pH da sua vagina, aumentando os riscos de uma infecção. Você só precisa de água e sabão neutro para lavar a genitália externa no próprio banho.
  • Roupa íntima de algodão: super importante para evitar que o calor e a humidade se acumulem na área. Evite usar roupas íntimas apertadas e não use calcinhas que não tenham secado completamente.
  • Tome probióticos: Lactobacilli vai se tornar sua arma secreta, uma vez que ajudam a manter os microrganismos que vivem em sua vagina em ordem.
  • Evite produtos com fragrância: sabemos que eles têm um cheiro delicioso, mas produtos de higiene pessoal como sabonete ou creme com cor e fragrância podem irritar sua área íntima e modificar o equilíbrio que você tem.
  • Mudança de o.b: lembre-se de lavar as mãos antes e depois de trocar o o.b, caso você o use, para não poluir a área.

É muito importante consultar o seu médico para obter a orientação correta para cada caso e também sanar dúvidas.

Cuidados íntimos

Matéria traduzida do original de VIX espanhol, do autor Lorena Sanya Ramirez.