5 alimentos que combatem de verdade a H. pylori, bacteria que inflama estômago

estomago helicobacter pylori 0118 1400x800
decade3d - anatomy online/shutterstock

A bactéria Helicobacter pylori, popularmente conhecida como H. pylori, é responsável por diversos tipos incômodos e processos inflamatórios que afetam o estômago. Isso porque pode causar úlceras, gastrite e até mesmo câncer de estômago, já que aumenta a produção de ácidos no órgão e reduz a proteção natural da mucosa, deixando-a mais frágil e propensa a lesões.

Estudos apontam que metade da população mundial convive com a H. pylori no estômago. No Brasil o número pode chegar a até 70%. No entanto, apenas uma pequeníssima parcela irá desenvolver câncer.

De qualquer forma o cuidado não é dispensável para a saúde do estômago, sendo assim, reunimos alguns alimentos que ajudam a inibir a bactéria.

Alimentos que combatem a H. pylori

brocolis 0518 1400x800
Mikhaylovskiy/Shutterstock

Brócolis, couve-flor e repolho

Esses três ingrediente possuem em sua composição substâncias chamadas de isoticio isotiocianatos, que ajudam a prevenir câncer e combater a H. pylori, reduzindo a proliferação desta bactéria no intestino. As substâncias podem ser encontradas, especialmente no brócolis.

gengibre alimento termogenico 1118 1400x800
CK Bangkok Photography/shutterstock

Gengibre

O gengibre é um ingrediente tradicionalmente utilizado para combater a acidez no estômago e dores estomacais. Por possuir um alto teor bactericida, para muitos estudiosos o gengibre poderia erradicar a bactéria H. pylori.

curcuma 0418 1400x800
tarapong srichaiyos/Shutterstock

Cúrcuma

A cúrcuma é uma especiaria de origem asiática e repleta de propriedades medicinais, entre elas está o estímulo da produção de sucos gástricos , o que ajuda a mucosa estomacal inibindo a ação da H. pylori.

iogurte tratamentofacial pele 0618 1400x800
DONOT6_STUDIO/Shutterstock

Probióticos

Os probióticos são formados por bactérias que habitam o intestino e que são consideradas saudáveis para o organismo. Essas bactérias estimulam a produção de substâncias que combatem a H. pylori e diminuem os efeitos colaterais que aparecem durante o tratamento da doença, como diarreia, prisão de ventre e má digestão.

suplemento omega 3
1989studio vía Shutterstock

Ômega-3 e ômega-6

Essas duas substâncias são consideradas gorduras boas que podem ser encontradas em alimentos como óleo de peixe, azeite de oliva, sementes de cenoura e óleo de semente de toranja. Esses ingredientes ajudam a reduzir o processo inflamatório no estômago e a inibir o crescimento da H. pylori.

Cuidados com o estômago