mulher

Estudo mostra melhora impressionante do vitiligo com tratamento homeopático

foto vitiligo estudo 0118 1400x800
CC- American Journal of Case Reports

Um novo estudo sugere que é possível melhorar vitiligo com homeopatia. Caracterizada por manchas na pele, a doença é incurável e difícil de ser controlada, o que faz com que os medicamentos naturais representem uma esperança para quem convive com ela. Entenda:

Tratar vitiligo com homeopatia

Um estudo publicado no American Journal of Case Reports analisou o caso de 13 mulheres e um homem com idade média de 29 anos que passaram por aproximadamente 58 meses de tratamento homeopático individualizado.

Os compostos homeopáticos utilizados foram baseados em plantas, minerais e componentes animais, como veneno de cobra e ácidos nítrico.

Ao fim do tratamento, os pacientes apresentaram redução das manchas na pele.

foto vitiligo estudo 2 0118 1400x800
CC- American Journal of Case Reports

Segundo o artigo, os melhores resultados foram alcançados nos pacientes que foram tratados logo nos estágios iniciais da doença.

Apesar dos benefícios notados, ainda é cedo para dizer se a homeopatia pode ser efetiva para vitiligo, já que são necessários grandes estudos clínicos controlados para confirmar a tese.

Como a homeopatia age?

mulher com remedio homeopatico 1216 1400x800
zilli/iStock

A homeopatia é uma especialidade médica que consiste na utilização de substâncias naturais para criar medicamentos, os quais são preparados por meio do "princípio da semelhança".

Esse método baseia-se na escolha de substâncias que geram sintomas parecidos com os do paciente, só que seu efeito maléfico é neutralizado por meio da diluição. Com isso, a capacidade de cura cresce e a saúde do doente é reequilibrada.

No Brasil, o método é reconhecido pelo Conselho Federal de Medicina, e pode ser usado em bebês, crianças, adultos e idosos. 

Entre suas vantagens, está a individualização dos medicamentos, que são formulados especialmente para cada pessoa por meio da análise de suas características.

O que é vitiligo e como afeta a autoestima?

maos vitiligo pele 1117 1400x800
vijaya_5712/istock

A dermatologista Rossana Vasconcelos, da Sociedade Brasileira de Dermatologia, explica que o vitiligo afeta as células que produzem o pigmento da pele, chamadas de melanina, criando manchas esbranquiçadas.

Apesar de poder afetar toda a pele, a condição costuma surgir na ponta dos dedos, nos pés, em volta dos lábios e nos genitais. O aparecimento do vitiligo costuma estar relacionado a problemas emocionais, em especial perda de entes próximos.

As manchas não representam risco à saúde, mas prejudicam a autoestima e a vaidade do paciente.

Embora vitiligo não tenha cura, é possível reduzir o aparecimento das manchas por meio de medidas como manejamento de estresse, que ocasiona mais manchas, e medicamentos que inibem reações imunológicas do organismo. 

Tratamento de vitiligo