Aparência dos lábios pode indicar anemia, doença hepática e mais problemas de saúde

labios boca 0118 1400x800
Werayuth Tes/Shutterstock

Há áreas do corpo que são pouco observadas, mas que dizem muito sobre a saúde em geral. O lábio é uma delas, já que mudanças em sua aparência podem indicar problemas de saúde locais e sistêmicos.

A seguir, veja o que significa cada alteração nos lábios e como tratá-la:

O que a aparência dos lábios diz sobre sua saúde

A dermatologista Rossana Vasconcelos, da Sociedade Brasileira de Dermatologia, explica que prestar atenção na aparência do lábio é uma ferramenta importante para avaliar como anda a saúde, já que algumas doenças locais e sistêmicas podem gerar sintomas na região.

Lábios ressecados e descascando: o que pode ser?

labios ressecados 0118 1400x800
Anetlanda/Shutterstock

Lábios secos são incômodos e podem levar à descamação e até mesmo feridas. Segundo a especialista, esse problema geralmente é resultado do hábito de molhar a boca com saliva, já que a acidez irrita a pele. 

O uso de algumas medicações, como o famoso tratamento contra acne Roacutan, também pode ressecar os lábios.

A dermatologista ainda afirma que a mucosa ressecada pode ser fruto de queilite actínica, uma condição pouco conhecida pela população que ocorre pela exposição excessiva aos raios solares e que é frequente em pessoas brancas e acima de 40 anos.

"Nesse caso, formam-se feridas que não cicatrizam e, sem o devido cuidado, podem virar câncer de pele", explica.

Outras causas são desidratação, que é a falta excessiva de água no corpo, ou alergias a produtos, como cosméticos e alimentos.

O que fazer?

O tratamento dependerá da condição. No caso da secura causada por saliva ou medicamento, a hidratação labial é essencial. "Optar por produtos que contêm substâncias hidratantes, emolientes e/ou manteiga de Karitê faz a diferença. Alguns deles, inclusive, associam proteção solar", indica a médica.

Se o problema for fruto de desidratação, é necessário aumentar a ingesta de líquidos hidratantes. Já as alergias que provocam ressecamento labial devem ser contidas com medicamentos tópicos ou sistêmicos.

No caso da queilite actínica, os cuidados podem englobar procedimentos, medicamentos e proteção solar.

Lábios pálidos, desbotados ou sem cor

silencio labios segredo 0117 1400x800
Tomas Urbelionis/Shutterstock

Se a aparência dos lábios for esbranquiçada ou sem cor, é hora de buscar um médico. A condição é sintoma de deficiências de vitaminas, ferro ou até mesmo anemia.

Como tratar? 

A avaliação de um profissional é de essencial importância para que sejam estabelecidos suplementos ou medicamentos para suprir o déficit que causa a palidez labial.

Lábios arroxeados

Doenças cardíacas ou respiratórias podem reduzir a oxigenação e circulação na boca, dando uma coloração arroxeada aos lábios.

O que fazer?

Nesse caso, o tratamento da doença de origem deve ser o foco, o que pode incluir medicamentos e até mesmo cirurgia.

Amarelado

labio amarelado 0118 1400x800
sruilk/Shutterstock

Doenças hepáticas podem ser a causa dos lábios amarelados, já que elas aumentam a quantidade de bilirrubina, substância amarelada encontrada na bile, que é o fluído produzido pelo fígado.

Como tratar?

Nestes casos, o tratamento varia de acordo com a condição, podendo incluir medicamentos, mudança de dieta e cirurgia.

Lábios com grânulos

Pontos amarelados ou esbranquiçados nos lábios são sinais de uma condição chamada "grânulos de Fordyce", caracterizada pelo aparecimento de glândulas sebáceas na região.

Tratamento

O problema não causa complicações, exceto pelo incômodo estético que pode ser resolvido por medicamentos orais, tópicos e tratamentos estéticos que visam retirar os grânulos.

Lábios com bolhas

bolhas nos labios 0818 1400x800
Africa Studio/Shutterstock

Bolhas nos lábios podem significar herpes labial, reação alérgica ou queimadura solar. Ainda há a possibilidade de o problema ser causado por doenças bolhosas, como pênfigo vulgar e eritema multiforme, que merecem atenção pelo risco de se espalharem.

O que fazer? 

O tratamento da herpes consiste em antivirais e cuidados para evitar a transmissão para outras pessoas. Já a reação alérgica e queimadura solar necessitam de hidratação para que a cicatrização ocorra corretamente.

No caso das doenças bolhosas, o tratamento pode incluir remédios como corticosteroides.

Envelhecimento dos lábios

Assim como o resto do corpo, a pele dos lábios também envelhece com o passar dos anos, deixando sua aparência enrugada e fina. 

O que fazer?

O preenchimento com ácido hialurônico e outros procedimentos estéticos são soluções para recuperar a vitalidade da região.

Ferida no canto da boca

machucado no canto da boca 0118 1400x800
Cessna152/Shutterstock

A causa mais frequente de ferida no canto da boca é o acumulo de saliva. Nesse caso, os pacientes costumam sentir o problema ao acordar, visto que a saliva fica em contato com a pele por toda a noite.

Porém, a dermatologista Rossana Vasconcelos aponta que a irritação por pasta de dentes e cosméticos também pode gerar as rachaduras. 

"Outra possibilidade é a queilite angular, chamada popularmente de boqueira, que pode apresentar dificuldade em cicatrizar e acarretar uma infecção por bactérias.

Tratamento

Nos primeiro caso, o ideal é hidratar intensamente a boca com produtos emolientes. Caso seja identificado que o problema é reação a alguma substância, recomenda-se suspendê-la.

No caso da queilite, o tratamento inclui antifúngicos, corticoides ou anti-inflamatórios tópicos.

Lábios inchados

labio inchado 0118 1400x800
Treetree/Shutterstock

Se você perceber que seus lábios estão frequentemente inchados, busque um médico porque pode se tratar de angioedema, uma reação alérgica parecida com urticária que é causada por exposição a medicamentos ou hereditariedade.

A aplicação de preenchimento labial também pode causar momentâneas mudanças nos lábios.

Tratamento

O angioedema é curado por meio de anti-histamínicos e cuidados locais. Já o inchaço persistente após o preenchimento deve ser avaliado por profissional caso a caso.

Lábios endurecidos

Uma causa para o afinamento dos lábios e endurecimento da pele é a esclerodermia, doença crônica que altera o colágeno da pele.

Como tratar?

Os cuidados incluem hidratação, medicamentos e fisioterapia.

Cuidados com os lábios