mulher

Ansiedade pode gerar palpitação, suor excessivo e mais 10 sintomas físicos

ansiedade sintomas crise 0217 1400x800
kieferpix/iStock

Apesar de ser uma espécie de mecanismo de defesa e proteção, já que trata-se de uma alteração cerebral fisiológica que nos prepara para uma situação de perigo, a ansiedade se transforma em um problema quando surge de forma recorrente e gera crises difíceis de serem identificadas e controladas.

Uma crise de ansiedade provoca pensamentos catastróficos que aumentam gradativamente, como o de que algo ruim está prestes a acontecer, e pode ser caracterizada por distúrbios emocionais e até mesmo físicos.

Sintomas físicos da ansiedade

coracao ataque cardiaco infarto 1216 1400x800
decade3d - anatomy online/shutterstock
  • Dor ou aperto no peito
  • Fadiga
  • Palpitação
  • Tontura
tontura vertigem estresse 0717 1400x800
PathDoc/Shutterstock
  • Sensação de desmaio
  • Falta de ar
  • Dor de barriga
  • Diarreia
dor barriga gases 0917 1400x800
nhungboon/shutterstock
  • Fala exageradamente rápida
  • Tensão muscular
  • Dor nas costas
  • Perturbação do sono

Como tratar crises de ansiedade

roer as unhas ansiedade 1016 1400x800
Arman Zhenikeyev/Shutterstock

Quando crises de ansiedade são graves e frequentes, podem exigir que o paciente faça um tratamento com psicoterapia e com uso de medicamentos prescritos que, apesar de não promoverem a cura, aliviam os sintomas e reduzem as crises.

Entender o processo e a necessidade de ajuda médica afasta o preconceito que muitas vezes afeta pacientes que sofrem com a condição. A incerteza e o medo de que algo vá ou não acontecer costumam ser as maiores fontes de ansiedade.

Como não é possível controlar de maneira prática e racional os pensamentos, é importante que o paciente invista em atitudes que ajudam a minimizar o impacto das emoções, como manter uma rotina organizada, por exemplo.

É válido ainda que a pessoa procure sempre medir de forma mais exata possíveis fatos do futuro, assim como suas consequências. Assim é mais fácil transformar o desconforto diante do desconhecido em algo mais próximo e fácil de ser controlado.

Como evitar e tratar a ansiedade