mulher

Pré-diabetes: o que significa a condição? Como evitar que ela evolua para a diabetes?

diabetes sangue glicemia 0916 1400x800
Syda Productions/Shutterstock

Doença grave e bastante comum, a diabetes afeta mais de 16 milhões de brasileiros adultos e, por ser silenciosa e não apresentar sintomas, demora para ser diagnosticada se a pessoa não realiza exames clínicos regularmente, podendo levar a condições graves, como cegueira, amputação de membros, AVC, infarto e óbito.

Pesquisas médicas estimam que metade dos diabéticos não sabe que sofrem com o problema ou que passaram por um período conhecido como pré-diabetes, o que dificulta o tratamento da doença.

diabetes
Thinkstock

O que é pré-diabetes?

Como o nome sugere, a pré-diabetes nada mais é que o início da doença. Raramente acompanhada de sintomas, a condição é comum em indivíduos acima dos 40 anos e significa um aumento leve dos níveis de açúcar no sangue, mas não tanto quanto o que ocorre na própria diabetes.

O que causa pré-diabetes?

As causas mais prováveis de pré-diabetes são, além de fatores hereditários, aumento de peso, alimentação desequilibrada e sedentarismo. O diagnóstico precoce da doença, obtido através de um simples exame de sangue, pode evitar a evolução da doença caso a pessoa siga as orientações médicas e inicie um tratamento medicamentoso, além de iniciar mudanças de hábitos.

diabete insulina medidor 0817 1400x933
AndreyPopov/iStock

Como evitar a evolução da pré-diabetes?

Para evitar que a pré-diabetes evolua para diabetes o paciente deve apostar em uma alimentação livre de gorduras saturadas, carboidratos simples, enfim, que promova redução de calorias e emagrecimento.

É importante ainda que a pessoa pré-diabética mantenha uma rotina regular de atividades físicas e, se necessário, faça um tratamento com remédios indicados por um médico para prevenir a evolução da doença.

Diabetes: cuidados e alimentação