mulher

Gastrite também é causada pela bactéria H. pylori; como se pega e como saber se tenho?

bacteria gastrite 0917 1400x800
chombosan/Shutterstock

A gastrite é uma doença crônica que provoca dor e desconforto após a digestão de alimentos. Sua causa mais comum é um micro-organismo que danifica a mucosa do estômago.

A seguir, saiba mais sobre a bactéria da gastrite:

Causas por trás da gastrite

estomago digestao sistema digestivo 08
Sebastian Kaulitzki / Shutterstock

A gastrite é causada pelo enfraquecimento da mucosa que reveste o estômago, o que a deixa vulnerável a danos e inflamações.

Essa baixa resistência do tecido do estômago pode ser causada por uma infinidade de fatores, que vão desde o consumo de anti-inflamatórios até doenças autoimunes ou estresse.

Contaminação pela bactéria

No entanto, a causa mais comum das gastrites crônicas é a bactéria Helicobacter pylori, chamada popularmente de H. Pylori

"Sua presença no revestimento do estômago desencadeia uma resposta inflamatória que agride a mucosa gástrica, caracterizando a gastrite", explica o gastrocirurgião e endoscopista Eduardo Grecco, do Instituto Endovitta.

Se não tratada, a doença PODE gerar úlceras e até mesmo câncer de estômago. 

Como se pega a H. pylori?

A bactéria é transmitida de por meio do contato direto com vômitos ou fezes infectadas. Além disso, o consumo de água ou alimentos contaminados, comum quando se trata de verduras e legumes, é capaz de provocar a contaminação.

A maioria das infecções ocorre na infância, especialmente em ambientes com condições precárias de higiene e saneamento.

Dá para pegar pelo beijo?

É possível contrair ao compartilhar objetos, como garrafas e talheres, ou beijar a boca de alguém contaminado, mas tal situação não é muito comum.

Como descobrir se tenho a bactéria?

aparelho de endoscopia 0417 1400x800
sfam_photo/Shutterstock

Quem apresenta sintomas de gastrite - como dor ou queimação abdominal, ânsia, vômito, perda de apetite e sensação de estômago estufado - deve buscar um gastroenterologista.

Se o médico também suspeitar da doença, indicará a realização de uma endoscopia. No exame, o paciente fica desacordado enquanto um tubo, que entra pela boca, avalia os órgãos internos e realiza uma biópsia cuja amostra passa por testes que identificam a presença da H. pylori.

"Também é possível confirmar o diagnóstico por meio da coleta de amostra de ar após ingestão de uma solução contendo ureia marcada não-radioativa", lembra o gastrocirurgião Eduardo Grecco.

Como tratar?

O tratamento consiste na administração de medicamentos antimicrobianos, para eliminar a bactéria, e inibidores de bomba de prótons (IBP), para reduzir a acidez gástrica.

Ao todo, os cuidados podem ser estendidos até quatorze dias e costumam ter 80% de eficácia.

Como prevenir?

lavar as maos 0917 1400x800
r.classe/Shutterstock

Algumas pesquisas visam criar vacinas contra o micro-organismo, mas ainda não há resultados promissores.

Por enquanto, a melhor alternativa para reduzir o risco é lavar as mãos e os alimentos antes de ingerir e beber água potável.

Causas da gastrite