mulher

Cápsulas de ômega-3: como tomar, melhor quantidade e possíveis riscos do suplemento

mulher tomando omega 3 0117 1400x800
puhhha/Shutterstock

Saber como tomar ômega-3 corretamente é essencial para usufruir dos benefícios do suplemento, que é capaz de melhorar a saúde do corpo todo. Para isso, quantidade, periodicidade e horários são tópicos que devem estar bem resolvidos. Há uma recomendação para cada pessoa, mas, em linhas gerais, o uso é feito da maneira mostrada a seguir. 

O que é o suplemento de ômega-3?

As cápsulas contém o EPA e o DHA, substâncias da família do ômega 3 que são extraídas dos peixes. "Nosso organismo consegue criar essas frações em menor proporção do que os peixes. Por exemplo, por meio do consumo de linhaça, microalgas e chia", explica a nutricionista funcional e coach Karelin Cavallari.

Portanto, segundo a especialista, o suplemento é importante para todas as pessoas e auxilia principalmente quem tem uma vida corrida, visto que desinflama e recupera o organismo. 

Para que serve?

beneficios omega 3 0117 1400x800
Life science of anatomy/Starstuff/u3d/Shutterstock

Potencializa a hipertrofia

Segundo Karelin Cavallari, as atividades físicas promovem microlesões no tecido que, depois da cicatrização, geram ganho de massa muscular. Por ter ação anti-inflamatória, o ômega-3 torna o processo de cicatrização do músculo mais eficiente e ainda potencializa a hipertrofia.

Melhora a visão

O efeito anti-inflamatório do ômega-3 age amenizando o ressecamento das vistas.

Protege o coração

sistema cardiaco corpo 0117 1400x800
yodiyim/Shutterstock

Por ser uma gordura saudável e ter propriedade anti-inflamatória, essa substância aumenta o bom colesterol (HDL) e reduz o ruim (LDL), prevenindo o aparecimento de doenças cardiovasculares e neurológicas.

Cuida do sistema nervoso

cerebro humano 3d 0117 1400x800
Life science of anatomy/Shutterstock

Segundo a nutricionista, o suplemento também ajuda a construir um revestimento do sistema nervoso chamado bainha de mielina, que regula a transmissão de estímulos cerebrais. Essa manutenção influencia positivamente a memória e a concentração, sendo que alguns profissionais sugerem que a ação amenize até mesmo depressão e doenças degenerativas como o Alzheimer.

Bom para gravidez

barriga gravida ilustracao 1116 1400x700
NREY/Shutterstock

O consumo de ômega-3 durante a gestação é excelente para auxiliar a formação do sistema cognitivo do bebê.

Outra vantagem do suplemento é que ele reduz o risco de depressão pós-parto, justamente por regular a transmissão de estímulos cerebrais.

Engorda ou emagrece?

estrategias perda de peso 1216 1400x800
AJ_Watt/iStock

A especialista explica que o ômega-3 não deve ser usado exclusivamente com o intuito de emagrecimento. Porém, aliado a uma dieta saudável e à prática de atividades físicas, ele pode ser útil para quem deseja fazer as pazes com a balança.

O excesso de gordura gera uma inflamação do organismo, principalmente no fígado, sendo necessário o consumo do suplemento para tratar o quadro, de forma a complementar uma alimentação saudável e, assim, conquistar a perda de peso.

Como tomar ômega-3

Antes de tomar o suplemento, o ideal é consultar um nutricionista ou nutrólogo que avaliará a necessidade do suplemento e indicará a melhor forma de consumo. De maneira mais generalista, as nutricionistas mostram como é feito o consumo a seguir. 

Marcas

A nutricionista Karelin Cavallari afirma que é preciso ter cuidado com as marcas do produtos comprados, pois algumas apresentam contaminação por mercúrio. “É importante consultar um nutricionista para que ele indique quais são as mais confiáveis, assim como a quantidade correta de comprimidos por dia", ressalta.

Melhor horário para tomar

O ideal é tomar o suplemento junto às refeições, visto que algumas pessoas acabam sentindo gosto de peixe após o consumo, o que é amenizado se a ingestão ocorrer junto a outros alimentos. 

Quantas cápsulas devo tomar por dia?

omega 3 tigela 0117 1400x800
Syda Productions/Shutterstock

A quantidade de cápsulas varia de acordo com a quantidade de EPA e DHA, que são dois ácidos graxos da família do ômega-3. De acordo com a nutricionista e bodydesigner Natasha Barros, a posologia ideal deve corresponder à soma dos dois componentes, que deve ser de aproximadamente 1 grama ou mil miligramas. 

Entretanto, nem toda cápsula de ômega-3 contém estes níveis. “Algumas possuem essa quantidade exata, outras não. Tudo vai depender da marca. Caso opte por um produto menos concentrado, é preciso tomar mais cápsulas por dia e vice-versa”, explica a profissional, que ressalta que a informação referente à quantidade de ácidos está impressa no rótulo de cada produto.

Riscos

Coagulação

O consumo da substância deve ser evitado por quem toma remédios de coagulação ou fará cirurgias brevemente. Isso ocorre pois ele afina o sangue, o que pode causar hemorragias nestes casos.

Câncer

Um estudo do Penn State College of Medicine, dos Estados Unidos, descobriu que o consumo do suplemento pode reduzir o risco de desenvolvimento de câncer de mama. Já um documento publicado na revista da Associação Médica Britânica indica que o ômega-3 também pode evitar de tumores no intestino.

Todavia, a relação não é absoluta, visto que outros pesquisadores ligam a ingestão do produto ao aumento do risco de câncer de próstata. A informação foi divulgada no Journal of the National Cancer Institute, da Universidade de Oxford, na Inglaterra. 

Suplementos alimentares