explore

Feriados de 2021: ano terá 4 feriadões, mas projeto de lei pode mudar e reduzir folgas

paginas de calendario dias 2020 587987249
Africa Studio vía Shutterstock

O calendário de 2021 prevê 12 feriados nacionaispara os brasileiros, sendo quatro deles prolongados. Geralmente nessas datas em que é possível emendar alguns dias, as pessoas costumam planejar viagens.

Entretanto, tudo pode mudar. Para recuperar a economia do país afetada pela pandemia do coronavírus, um projeto de lei pode suspender a emenda de um dos feriadões.

Feriados em 2021

Embora o calendário oficial de 2021 ainda não tenha sido anunciado, já é possível saber quantos feriados nacionais os brasileiros poderão curtir no ano que vem.

calendario 2021 11 20 1400 1500
Shutterstock

No total, 2021 terá 12 feriados, sendo que 10 cairão em dias úteis, mas, por enquanto, só é possível listar 11 datas, já que o Carnaval ainda não foi definido:

  • Confraternização Universal (1° de janeiro) - sexta-feira
  • Sexta-Feira Santa (2 de abril) - sexta-feira
  • Tiradentes (21 de abril) - quarta-feira
  • Dia do Trabalho (1° de maio) - sábado
  • Corpus Christi (3 de junho) - quinta-feira
  • Independência do Brasil (7 de setembro) - terça-feira
  • Nossa Senhora Aparecida (12 de outubro) - terça-feira
  • Finados (2 de novembro) - terça-feira
  • Proclamação da República (15 de novembro) - segunda-feira
  • Natal (25 de dezembro) - sábado

De todos esses, quatro são passíveis de emendas. São os famosos feriadões, que acontecem em uma terça-feira ou em uma quinta-feira e favorece a prática de “enforcar” a segunda-feira ou a sexta-feira.

Porém, um projeto de lei que propõe a antecipação de alguns feriados, pode mudar ou até suspender algumas emendas.

Projeto de lei pode mudar datas de 3 feriados

O Projeto de Lei 3797/19 prevê a antecipação de feriados nacionais que caem em dias úteis para as segundas-feiras da mesma semana, portanto, não haveria emendas e feriadões.

Feriados que acontecerem no sábado, como Dia do Trabalho e Natal, permaneceriam no mesmo dia.

trabalho ferias 09 19 1400 800
Shutterstock

Algumas datas não podem ser alteradas, principalmente por serem religiosas ou mundiais. Dessa forma, feriados como Confraternização Universal, Sexta-Feira Santa e Nossa Senhora Aparecida, por exemplo, permanecem em seus dias originais.

O Projeto de Lei também não afetará datas regulamentadas por estados, Distrito Federal e municípios. Por isso, feriados como o Aniversário de São Paulo (25 de janeiro) que cai em uma segunda-feira, Revolução Constitucionalista (9 de julho), que acontece em uma sexta-feira, e a Consciência Negra (20 de novembro), sábado, em São Paulo, serão mantidos sem nenhuma modificação.

"A proposição principal prevê, para as segundas-feiras, a antecipação da comemoração dos feriados de 21 de abril (Tiradentes), 2 de novembro (Finados) e 15 de novembro (Proclamação da República)", explica o texto da iniciativa .

De acordo com o senador e autor da iniciativa Dário Berger (MDB-SC), o Projeto de Lei foi criado para tentar recuperar a economia brasileira, prejudicada pela pandemia do coronavírus:

"A intenção é, de um lado, preservar feriados e datas comemorativas nacionais e, de outro, manter aquecida a atividade econômica de uma forma geral, o que redundará na proteção das empresas e dos trabalhadores", disse.

calendario feriado 09 19 1400 800
Shutterstock

Segundo informações da tramitação, no site da Câmara dos Deputados, "a proposta tramita em caráter conclusivo e será analisada pelas comissões de Cultura; Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços; de Constituição e Justiça e de Cidadania".

Feriados: fique por dentro