explore

Quem fez saque imediato do FGTS em 2019 tem que declarar no IR: como fazer

saque caixa eletronico 02 20 1400 800
Shutterstock

Os trabalhadores que retiraram até R$ 998 do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) no ano passado, terão que declarar o valor do benefício à Receita Federal.

O saque imediato do FGTS deve ser informado no Imposto de Renda 2020. Veja como fazer a declaração.

Declaração do saque do FGTS no Imposto de Renda

Quem deve fazer?

Quem fez o saque imediato do FGTS no ano passado terá que declarar o valor retirado no Imposto de Renda de Pessoa Física deste ano.

Entretanto, essa regra só vale para quem recebeu mais de R$ 28.559,70 em rendimentos tributáveis em 2019 ou se enquadra em qualquer outro critério para enviar a declaração.

imposto de renda 06 20 1400 800
Shutterstock

Caso o contribuinte esteja isento de Imposto de Renda, não há necessidade de enviar o documento apenas por causa do saque do FGTS.

Como fazer?

O saque imediato deve ser declarado no formulário de rendimentos isentos e não tributáveis, disponível no programa de declaração do IR 2020, no site da Receita Federal.

A declaração deve ser feita no item 4 do formulário, que engloba indenizações por rescisão de contrato de trabalho, por planos de demissão voluntária, por acidente de trabalho e saques do FGTS.

imposto renda 1400x800 0620
Marcelo Ricardo Daros/Shutterstock

Ao abrir o campo, o contribuinte deve informar o valor sacado, escrevendo “Caixa Econômica Federal”, o número do Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ) da instituição bancária (003603050001-04) e pronto.

Se você não tiver o comprovante de saque, é possível pode solicitar um extrato no site ou no aplicativo do FGTS, ou no site da Caixa.

Caso você já tenha enviado o Imposto de Renda e não tenha declarado o saque imediato do FGTS, basta acessar sua declaração, fazer uma retificação e informar o saque do FGTS seguindo os mesmos passos descritos acima.

dinheiro computador imposto 0117 1400x800
Mangsaab/Shutterstock

É importante lembrar que o prazo para o envio da declaração do Imposto de Renda 2020 vai até a próxima terça-feira, 30 de junho. Geralmente, a data limite é 30 de abril, mas neste ano, foi adiada em dois meses por causa da pandemia do coronavírus.

Imposto de Renda