explore

Pagamento da 2ª parcela de R$ 600 começa hoje: crédito cai segundo mês de nascimento

auxilio emergencial 1400x800 0520
Brenda Rocha/Shutterstock

Depois de um atraso no pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial, o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, anunciou que o segundo depósito de R$ 600 começa a ser realizado a partir de segunda-feira (18) para beneficiários do Bolsa Família e, então, os demais públicos.

De acordo com portaria sobre calendário de pagamento e saque, assinada pelo ministro Onyx Lorenzoni, só receberá a segunda parcela do auxílio emergencial nessas datas quem recebeu a primeira parcela até 30 de abril.

Regras para uso do benefício de R$ 600 mudam

Entre 20 e 26 de maio, o governo vai depositar o valor referente ao auxílio emergencial na poupança social digital aberta no nome de cada beneficiário. O recurso ficará disponível apenas para o pagamento de contas e boletos, além da realização de compras por meio de cartão de débito virtual. Não é mais possível transferir para outras contas.

Quando o saque for liberado, o saldo existente nas poupanças sociais digitais será transferido automaticamente para a conta em que o beneficiário houver recebido a primeira parcela.

caixa tem passos saque 1 1400x800 0420
Reprodução/Caixa/Youtube

Quando será o pagamento da segunda parcela

Além de beneficiários do Bolsa Família, que começam a receber na segunda-feira (18) segundo o dígito final do número do NIS, as datas de pagamento ocorrem segundo mês de nascimento para quem tem a poupança social.

Crédito para uso digital na poupança social criada.

  • 20/05: nascidos em janeiro e fevereiro
  • 21/05: nascidos em março e abril
  • 22/05: nascidos em maio e junho
  • 23/05: nascidos em julho e agosto
  • 25/05: nascidos em setembro e outubro
  • 26/05: nascidos em novembro e dezembro

Calendário para o saque da segunda parcela

Entre 18 e 29 de maio, para beneficiários do Bolsa Família.

  • 18/05: número do NIS terminado em 1
  • 19/05: número do NIS terminado em 2
  • 20/05: número do NIS terminado em 3
  • 21/05: número do NIS terminado em 4
  • 22/05: número do NIS terminado em 5
  • 25/05: número do NIS terminado em 6
  • 26/05: número do NIS terminado em 7
  • 27/05: número do NIS terminado em 8
  • 28/05: número do NIS terminado em 9
  • 29/05: número do NIS terminado em 0

Entre 30 de maio e 13 junho, para quem recebeu na poupança digital e demais públicos.

  • 30/05: nascidos em janeiro
  • 01/06: nascidos em fevereiro
  • 02/06: nascidos em março
  • 03/06: nascidos em abril
  • 04/06: nascidos em maio
  • 05/06: nascidos em junho
  • 06/06: nascidos em julho
  • 08/06: nascidos em agosto
  • 09/06: nascidos em setembro
  • 10/06: nascidos em outubro
  • 12/06: nascidos em novembro
  • 13/06: nascidos em dezembro
dinheiro real 1400x800 0420
Vergani Fotografia/Shutterstock

Cadastro precisa ser feito até 2 de julho

Quem ainda não fez o pedido do auxílio emergencial e precisa dessa ajuda financeira no período de combate ao novo coronavírus pode fazer a solicitação do benefício até 2 de julho.

Após o prazo definido, o site e o aplicativo serão mantidos apenas para consulta do processamento do benefício ou pagamento, no caso de quem foi aprovado para receber os R$ 600.

De acordo com a Caixa, todas as pessoas que se inscreverem até dia 2 de julho e tiverem o benefício aprovado terão direito a três parcelas de R$ 600.

O calendário para o pagamento da segunda parcela de quem recebeu a primeira a partir de maio ainda não foi informado pelo governo.

Auxílio emergencial de R$ 600,00