explore

Quem ainda não solicitou auxílio de R$ 600 continua tendo direito à primeira parcela?

dinheiro auxilio 03 20 1400 800
Shutterstock

O governo já creditou R$ 23,5 bilhões para 33,2 milhões de brasileiros desde o dia 9 de abril, quando teve início o pagamento do auxílio emergencial de R$ 600. A primeira parcela já foi paga, mas quem não conseguiu receber o benefício e tem direito a essa ajuda financeira pode ficar tranquilo.

Mesmo quem fizer a solicitação depois do pagamento da segunda parcela ainda terá direito a três parcelas do auxílio emergencial, desde que o pedido seja feito dentro do prazo, que se encerra em 2 de julho, como informou o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, à radio CBN.

Pedido do auxílio emergencial

Quem teve problemas para realizar o cadastro no app ou site do auxílio emergencial ou descobriu só agora que tem direito ao benefício pode fazer a solicitação até o final de abril e em maio também, mesmo após o pagamento da primeira e segunda parcelas.

Quem tiver o benefício aprovado receberá o valor acumulado. Por exemplo, quem tiver a confirmação do benefício em maio terá direito a receber três parcelas dos R$ 600. Vai receber, então, R$ 1.800.

No caso das mulheres chefes de família, que têm direito a auxílio de R$ 1.200, o benefício acumulado pode chegar a R$ 3.600.

app auxilio emergencial 1400x800 0420
Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O pagamento da segunda parcela está prevista para ocorrer entre os dias 27 e 30 de abril, mas pode ser adiado. O Ministério da Cidadania informou que aguarda uma suplementação orçamentária feita pelo Ministério da Economia, o que pode acontecer apenas em maio. Isso significa que pode faltar dinheiro para pagar todos os beneficiários ainda em abril.

A terceira parcela está prevista para ser paga entre os dias 26 e 29 de maio.

Como fazer o cadastro

A Caixa Econômica Federal não recomenda ida a agências bancárias para cadastro no auxílio emergencial.

Quem já está no Cadastro Único ou recebe o benefício Bolsa Família, receberá o auxílio emergencial automaticamente.

Pessoas que se encaixam em outros casos podem fazer o pedido pelo site do benefício ou no aplicativo CAIXA | Auxílio Emergencial. De acordo com o governo, o acesso ao app está liberado mesmo nos casos em que não há acesso a internet.

A contestação caso o auxílio de R$ 600 do governo tenha sido negado também pode ser feita pelo site ou aplicativo. Lembrando que ainda é exigido CPF regular para o cadastro.

cpf 04 20 1400 800
Shutterstock

Ajuda de R$ 600 do governo