explore

Alimentos encharcados na Ceagesp, colégio embaixo d'água: as imagens da enchente de SP

A forte chuva que atinge a cidade de São Paulo desde a tarde do último domingo (9), deixou a capital paulista em estado de atenção.

De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas da Prefeitura de São Paulo (CGE), em 24 horas, já choveu 300 milímetros, sendo que a média esperada para o mês de fevereiro é de cerca de 245.

Com todo esse volume de água, algumas das principais vias da cidade estão intransitáveis, linhas de trens paralisadas, aulas suspensas e não há previsão que a chuva pare. Confira imagens!

Chuvas e alagamentos em São Paulo: fotos

O transbordamento dos rios Pinheiros e Tietê, de alguns córregos e entupimentos de boeiros, São Paulo está praticamente embaixo d'água. Segundo o CGE, são 89 pontos de alagamento na cidade.

O Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo, registrou 470 enchentes, 75 desabamentos/desmoronamentos e 80 quedas de árvores na cidade.

Nas redes sociais, alguns órgão públicos e vários internautas publicaram fotos para mostrar o estado em que se encontra a cidade. Confira:

As linhas 8 - Diamante e 9 - Esmeralda da CPTM ficaram paralisadas em quase todo o trecho

Os rios das marginais Tietê e Pinheiros transbordaram e em alguns pontos, não dá para saber o que é pista e o que é rio

A Ceagesp, centro de abastecimento de alimentos de São Paulo, também está alagado

O Colégio Santa Cruz, na zona oeste de São Paulo foi invadido pela água

O estádio do Morumbi, na zona sul de São Paulo também foi tomada pela água e as piscinas foram inundadas pela lama

Deslizamento no morro do Socó, em Osasco, foi filmado por moradores

O CGE divulgou algumas precauções que devem ser tomadas para quem estão nas ruas:

  • Evite transitar em ruas alagadas
  • Se a chuva causou inundações, não se aventure a enfrentar correntezas.
  • Fique em lugar seguro. Se precisar, peça ajuda;
  • Mantenha-se longe da rede elétrica e não pare debaixo de árvores. Abrigue-se em casas e prédios;
  • Planeje suas viagens, para que haja menor possibilidade de enfrentar engarrafamentos causados por ruas bloqueadas;
  • Em caso de dúvida sobre vias bloqueadas, ligue para a central de atendimento da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) através do número 156 ou entre no site da CET para saber como está o trânsito nas principais vias.

Chuvas: como agir em caso de alagamentos