explore

Morte do locutor Asa Branca após luta contra câncer gera comoção no mundo sertanejo

Instagram

Asa Branca, um dos maiores locutores de rodeio do Brasil, morreu nesta terça-feira (4), depois de lutar contra um câncer que começou na garganta e se espalhou para o cérebro, língua e pescoço. Waldemar Ruy Dos Santos, seu nome verdadeiro, estava internado em São Paulo há cerca de duas semanas. Nas redes sociais, vários amigos e fãs prestaram homenagens.

Homenagens a Asa Branca

O locutor foi diagnosticado com câncer em 2017 e até chegou a melhorar por um tempo. Depois de 33 sessões de radioterapia, ele teve uma radionecrose em um osso da face, um tipo de lesão causada pelo tratamento.

A família de Asa Branca até criou uma vaquinha online para arrecadar dinheiro para o tratamento. Além do câncer e de diversas cirurgias, ele foi diagnosticado com HIV há quase dez anos.

O cantor Daniel se pronunciou no Twitter:

“Hoje o rodeio perde um dos seus ícones. Asa Branca sempre abrilhantou as festas com seu estilo. Pude cantar a música preferida pra ele no dia do lançamento de seu livro. Descanse, meu amigo!”, escreveu a cantora sertaneja Jayne.

Instagram

O cantor Gabriel Nieri também se pronunciou: “Descanse em paz meu grande amigo e locutor @asabrancaoficial, obrigado pelos conselhos e apoio à minha carreira, você estará para sempre em meu coração”.

Mara Magalhães, que também é locutora de rodeios, escreveu um belo texto de despedida para o amigo: “(...) Brigamos muito, porque éramos muito diferentes (Deus sabia o porque e eu não, hoje eu sei; era pra que eu ficasse com muita saúde pra continuar a tradição) mas eu te perdoei e você também me perdoou”.

Instagram

Ela finalizou: “Descansa nos braços do pai, até pra partir você deixou aprendizado, lutou até o fim!”.

Os fãs lamentaram a perda:

Homenagens póstumas