Greta Thunberg é eleita a personalidade do ano pela prestigiada revista "Time"

greta thunberg ativista discurso 1219 1400x800
Pablo Blazquez Dominguez / Correspondente/gettyimages

A jovem ativista Greta Thunberg, de apenas 16 anos, foi eleita a personalidade do ano pela revista norte-americana “Time”. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (11).

Personalidade do ano da “Time”

A cada ano, a revista “Time”, uma das mais importantes e conceituadas publicações do mundo, elege uma pessoa - ou mesmo um grupo de pessoas - que se destaca por sua atividade.

greta thunberg 2
Maja Hitij/Getty Images

Em 2018, por exemplo, a revista trouxe como personalidade do ano quatro jornalistas que foram ou perseguidos, ou exilados, ou desaparecidos, ou mortos, ou hostilizados pelo exercício de sua profissão.

Foram eles o jornalista saudita Jamal Khashoggi, morto em outubro de 2018; a filipina Maria Ressa, fundadora do site "Rappler" e ativa no combate a fake news e na oposição ao presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte; os repórteres da Reuters presos em Myanmar por expor o genocídio da minoria muçulmana Rohingya e condenados a sete anos de encarceramento; e a equipe do jornal "Capital Gazette" (EUA), alvo de um tiroteio em junho de 2018.

Em 2019, Greta Thunberg foi a escolhida pela “Time” como a personalidade do ano como a chamada “o poder da juventude” estampada na capa da revista.

Quem é Greta Thunberg

As atividades de Greta estão ligadas, essencialmente, à conscientização de jovens sobre a mudança climática da Terra e os riscos dos problemas ambientais.

A jovem, que nasceu e vive na Suécia, teve suas primeiras ações em prol da defesa do meio ambiente em 2018, ainda com 15 anos.

greta thunberg 07 19 1400 800
Adam Berry/Getty Images

Naquele ano, Greta decidiu não ir à escola até as eleições gerais de seu país, que aconteceriam em 9 de setembro. A decisão foi tomada em 20 de agosto.

A greve escolar da menina era para que o governo sueco respeitasse o Acordo de Paris e reduzisse as emissões de carbono.

Para isso, durante o protesto, Greta ficou sentada do lado de fora do Parlamento todos os dias durante o horário escolar com um cartaz: “Greve escolar por causa do clima”.

Após as eleições, os protestos continuaram todas as sextas-feiras em frente ao Parlamento. A iniciativa de Greta ainda serviu de inspiração para que outras crianças e adolescentes pedissem por mais intervenção de seus governantes por mais cuidados com o meio ambiente.

protestos criancas meio ambiente 1219 1400x843
Jeff J Mitchell / Equipe/gettyimages

O ativismo de Greta chamou atenção a nível mundial e a levou até o Fórum Econômico Mundial de Davos, na Suíça, onde realizou discursos exigindo medidas mais eficazes contra o problema das mudanças climáticas.

Greta ainda foi chamada para a Organização das Nações Unidas (ONU), onde fez um discurso memorável.

greta thunberg ativista 1219 1400x1839
Stephanie Keith / Correspondente/GettyImages

“Vocês roubaram meus sonhos e minha infância com suas palavras vazias. E ainda assim eu sou uma das mais sortudas”, disse a jovem para os líderes mundiais reunidos na ONU.

A notoriedade de Greta ainda lhe rendeu uma indicação ao Prêmio Nobel da Paz. Aos 16 anos, a sueca se tornou a indicada mais jovem à condecoração.

Mulheres inspiradoras