IPVA 2020 não poderá ser parcelado e deixará de ter desconto no Rio Grande do Sul

documento carro 11 19 1400 800
Shutterstock

Nesta segunda-feira (4), o governo do Rio Grande do Sul anunciou medidas econômicas e uma delas foi o fim do parcelamento do Imposto sobre a propriedade de Veículos Automotores (IPVA) para 2020.

Fim do parcelamento e do desconto do IPVA no RS

Os moradores e donos de automóveis do Rio Grande do Sul não poderão mais parcelar o IPVA em 2020. Antes, era possível dividir o valor do imposto em até 3 vezes mas, agora, o motorista deverá pagar tudo de uma só vez.

Além disso, o governo do estado gaúcho também alterou o calendário de vencimento do IPVA de abril para janeiro, ou seja, o imposto deverá ser pago até dia 31 de janeiro de 2020.

conta pagar boleto 0117 1400x800
Syda Productions/Shutterstock

A partir do ano que vem, os vencimentos ocorrerão de 6 de janeiro de 2020 a 30 de janeiro de 2020, de acordo com o final da placa do carro. Essa mudança também exclui os descontos pelo pagamento antecipado, que era de até 3%.

O governo manteve apenas dois descontos: o do Bom Motorista, podendo chegar a 15%, conforme o período sem infrações de trânsito e o Bom Cidadão: quem é inscrito no Programa Nota Fiscal Gaúcha e solicita o CPF no cupom fiscal garantirá descontos de 1% a 5% sobre o valor total do imposto.

Ambos os descontos são válidos apenas para pagamentos de IPVA em dia, ou seja, conforme calendário de vencimento por placas.

Calendário de vencimento do IPVA 2020 do Rio Grande do Sul

calendario ipva2020 rs 11 19 1400 800
Divulgação/Secretaria da Fazenda do Rio Grande do Sul

De acordo com a Secretaria da Fazendo do Rio Grande do Sul, com o fim dos descontos, o governo estima impacto de R$ 29,7 milhões na arrecadação em relação ao exercício anterior, quando apenas 5% dos contribuintes optaram pelo parcelamento.

Quanto o brasileiro paga de imposto?