Como ver o eclipse do final da tarde no Brasil? Melhores locais e horários para assistir

eclipse solar nuvem 0719 1400x800
IgorZh/Shutterstock

Acontece nesta terça-feira, 2 de julho, um eclipse solar que poderá ser visto de forma parcial em algumas localidades no Brasil. De acordo com o Observatório Nacional, o fenômeno aparece no céu de alguns estados brasileiros a partir das 16h48, horário de Brasília.

As condições mudam e quem estiver mais ao Sul conseguirá ver melhor. Veja os locais e horários previstos para a ocorrência astronômica:

Eclipse solar de 2 de julho: onde ver no Brasil

O eclipse solar desta terça-feira, 2 de julho, será totalmente visível em uma faixa estreita do céu do Chile e da Argentina. No Brasil, a observação se dará de diferentes formas.

Veja a tabela divulgada pelo Observatório Nacional com as capitais onde haverá maior e menor visibilidade (em porcentagem):

  • Porto Alegre: 75% - início às 16h48
  • Florianópolis: 60% - início às 16h53
  • Curitiba: 55% - início às 16h55
  • Campo Grande: 46% - início às 16h56
  • São Paulo: 46% - início às 17h
  • Rio de Janeiro: 40% - início às 17h03

Eclipse no pôr do sol

eclipse solar sol lua 0719 1400x800
Warachai Krengwirat/Shutterstock

O astrônomo Thiago Signorini Goncalves, coordenador de Imprensa da Sociedade Astronômica Brasileira (SAB), explica que o eclipse acontecerá durante o pôr do sol. "Porto Alegre poderá ver mais da metade do Sol ocultado. No Rio de Janeiro e em São Paulo, será mais difícil. Em Rio Branco, o sol estará mais alto no céu".

Se onde você mora não for possível ver, tudo bem. A Nasa transmitirá ao vivo todo o fenômeno pelo site da NASA TV.

O que é um eclipse solar

Eclipses solares acontecem quando a Lua se coloca entre o Sol e a Terra, projetando uma grande sombra. Neste ano, é a terceira vez em 50 anos que um eclipse solar passa pelo Observatório La Silla, no Chile, um espaço com grandes telescópios que tem atraído a atenção da mídia e de turistas.

Eclipse lunar em 16 de julho

É curioso que um eclipse solar nunca acontece sozinho. O fenômeno pode aparecer duas semanas antes ou depois de um eclipse lunar.

Desta vez, o eclipse lunar está previsto para dia 16 de julho, de forma parcial, o que significa que a Lua ficará encoberta apenas em partes. Ele será percebido na América do Sul, Europa, África, Ásia e Austrália.

Eclipse solar