explore

Marta dá declaração forte e digna da líder que é após eliminação: "Aponte para mim"

marta futebol olimpiadas 0721 1400x800 1
Koki Nagahama/Getty Images

Nesta sexta-feira (30), a seleção brasileira feminina de futebol foi eliminada dos Jogos Olímpicos de Tóquio após uma derrota por 4 a 3 nos pênaltis para o Canadá. Apesar da derrota ter deixado as jogadoras e os fãs do esporte devastados, Marta aproveitou a ocasião para fazer um discurso emocionante sobre incentivo ao futebol feminino.

Marta cobra incentivo ao futebol feminino nas Olimpíadas

Bastante emocionada após a eliminação da seleção brasileira das Olimpíadas, Marta deu uma entrevista à TV Globo logo que saiu do campo. A camisa 10 lamentou a derrota e usou o momento para pedir valorização ao futebol feminino.

marta futebol olimpiadas 0721 1400x800
Koki Nagahama/Getty Images

Ao longo dos anos, a líder da seleção sempre usou o espaço que tem para cobrar mais investimentos e estrutura para a seleção e para o futebol feminino de modo geral. E após a derrota brasileira, a atleta reforçou ainda mais o discurso de incentivo ao esporte.

“Precisamos pensar no futuro. Continuar apoiando a modalidade, porque o futebol feminino não acaba aqui. O futebol feminino continua. Espero que as pessoas tenham essa consciência e que não saiam apontando o dedo para ninguém porque aqui não tem ninguém culpado ou deixou de fazer. Fizemos o que estava ao nosso alcance”, disse Marta.

“Se tiver que apontar o dedo para alguém, que aponte para mim, já estou acostumada. A nova geração que está vindo aí não pode pagar por isso. Temos que parar de cobrar tanto o que nunca foi investido antigamente”, completou a camisa 10.

Aos 35 anos, as Olimpíadas de Tóquio marcam a quinta participação de Marta nos Jogos. Foi também no Japão que ela se tornou a primeira jogadora a marcar em cinco edições do torneio.

Mais sobre os Jogos Olímpicos de Tóquio