explore

Quem é a bilionária mais jovem do mundo? Construiu fortuna com app de namoro

whitney wolfe 0321 1400x800
Jerod Harris/Getty Images

No dia 11 de fevereiro de 2021, Whitney Wolfe se transformou na bilionária mais jovem do mundo, segundo a revista Forbes. Ela conquistou o título após sua empresa abrir capital na Bolsa de Valores.

whitney wolfe bumble 0321 1400x800
Lars Niki/Getty Images

Cofundadora e CEO do aplicativo de namoro Bumble, Whitney, que tem apenas 31 anos de idade, é casada, mãe de um filho de 1 ano e já acumula uma fortuna de 1,5 bilhão de dólares (cerca de R$ 8,3 bilhões).

Trajetória da bilionária mais jovem do mundo

Whitney Wolfe nasceu em Salt Lake City, nos Estados Unidos, e aos 11 anos foi morar com sua família na França. Alguns anos depois, voltou aos EUA para terminar o ensino médio e cursar a faculdade.

whitney wolfe jovem 0321 1400x800
Bennett Raglin/Getty Images

A jovem cursou Relações Internacionais na Universidade Metodista Meridional, no Texas, e aos 22 anos começou a trabalhar na empresa Hatch Labs, criadora do aplicativo de namoro Tinder. Whitney foi uma das responsáveis pelo desenvolvimento do famoso app de paquera.

Assédio e volta por cima

Apesar de ter adquirido experiência e prestígio no comando do Tinder, a trajetória de Whitney na empresa não acabou bem. Em 2014, ela processou a companhia, acusando seu ex-chefe de assédio sexual.

whitney wolfe time 0321 1400x800
Brian Ach/Getty Images

A disputa na Justiça terminou com um acordo extrajudicial e Whitney, então com 24 anos, chegou a acreditar que sua carreira profissional havia acabado. No entanto, ela decidiu se reconstruir e dar a volta por cima.

Aplicativo de namoro diferenciado

No mesmo ano em que se desligou do Tinder, Whitney fundou, ao lado do russo Andrey Andreev, o Bumble, outro aplicativo de namoro, mas com um mecanismo diferenciado: na plataforma, apenas mulheres podem iniciar uma conversa.

whitney wolfe herd 0321 1400x800
Lars Niki/Getty Images

O sucesso da empresa mostrou que a ideia de dar às mulheres maior poder de decisão na hora da paquera era uma fórmula eficaz. Em 2019, Andreev deixou a companhia e teve sua participação adquirida pela Blackstone.

Empresária jovem, bilionária e feminista

O perfil mais feminista do Bumble atraiu olhares, ganhou destaque na mídia e contribuiu para o reconhecimento e o sucesso de Whitney Wolfe.

whitney wolfe bilionaria 0321 1400x800
Noam Galai/Getty Images

Em uma carta aberta publicada no site da empresa, a jovem empresária declarou: "Estou mais dedicada do que nunca a ajudar a promover a igualdade de gênero e acabar com a misoginia que ainda assola a sociedade".

whitney wolfe evento 0321 1400x800
Bennett Raglin/Getty Images

O Bumble afirma que, atualmente, conta com 81 milhões de usuários de 150 países. Em popularidade, o aplicativo de namoro só perde para o Tinder nos Estados Unidos.

Mulheres que inspiram