explore

Papa dá benção histórica sozinho no Vaticano e imagens arrepiam o mundo

papa francisco 1219 1400x800
Franco Origlia/Getty Images

Na tarde desta sexta-feira (27), o Papa Francisco rezou sozinho na Praça de São Pedro, no Vaticano, para conceder uma benção mundial em meio à pandemia do COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus e as imagens são de arrepiar.

Papa reza sozinho e abençoa o mundo: fotos

Durante a cerimônia, o Papa Francisco deu a bênção "Urbi et Orbi", que concede o perdão aos pecados, a todo o mundo, devido à atual pandemia de coronavírus, sendo que a Itália, país muito próximo ao Vaticano, é um dos países mais afetados pelo COVID-19, com mais de 86 mil pessoas infectadas e quase 10 mil mortes.

A benção foi concedida em meio à Praça de São Pedro, vazia, às 18h de Roma (14h no Brasil), em um fim de tarde frio e chuvoso e os registros do momento viralizaram nas redes sociais.

Essa benção é rara e só é concedida em três ocasiões: no dia de Natal e no dia de Páscoa, que são as maiores festas cristãs. O ritual também é celebrado quando um novo Papa é eleito e a benção é dada logo após o resultado. A exceção aberta nesse momento é histórica e marca o momento de desolamento que a humanidade vive.

Durante a cerimônia, um crucifixo também foi exposto na praça. Essa foi a segunda vez que ele foi retirado de dentro da Basílica de São Pedro, sendo que a primeira foi durante a peste negra, um dos maiores surtos epidêmicos da história da humanidade que também afetou muito a Itália.

No twitter, muitos católicos se emocionaram e disseram ter se arrepiado diante das imagens do Papa Francisco rezando sozinho no Vaticano:

Coronavírus pelo mundo