Pássaros mais lindos do mundo: 10 espécies que são verdadeira obra de arte da natureza

loros hablan
Shutterstock

A natureza sempre se encarregou de nos surpreender com sua diversidade, dentre as quais, por exemplo, se destacam as mais de 10 mil espécies de aves. Elas podem ser encontradas em diferentes tamanhos e cores e a grande maioria tem a capacidade de mostrar sua bela plumagem ao voar. Confira os pássaros mais belos do mundo:

Araracanga

guacamaya roja pareja 0
Panu Ruangjan/Shutterstock

A araracanga, mais conhecida como arara-vermelha, é um pássaro grande e colorido pertencente à família Psittacidae. Você pode encontrá-lo em regiões do México, Venezuela, Brasil, Colômbia e Equador.

plumaje guacamaya roja
Songsak Pandet/Shutterstock

É uma espécie que está em risco de extinção devido à destruição de seu habitat, bem como à sua venda ilegal em vários mercados clandestinos.

Quetzal

quetzal volando
Ondrej Prosicky/Shutterstock

Os tons de verde-esmeralda e azul-turquesa são o que caracterizam este pássaro que vive em florestas tropicais. É uma ave monogâmica que se alimenta de insetos, abacates, sapos e lagartos.

estos animales son sagrados en las siguientes culturas
dannybregman via Shutterstock

Para diferentes culturas, especialmente no México, é considerado um pássaro sagrado por causa do papel que desempenhou nos tempos pré-hispânicos, quando o relacionaram ao deus Quetzalcoatl.

Faisão-dourado

faisan dorado
Panagiotis Komninelis/Shutterstock

É uma das aves mais exóticas que habitam a Terra. Mais comum na Ásia, principalmente da China, o faisão-dourado é um pássaro de aparência semelhante aos galos.

faisan dorado plumaje
mooinblack/Shutterstock

O macho tem como característica uma plumagem mais marcante e colorida, além de uma crista de penas douradas. Enquanto a fêmea tem uma plumagem mais simples com tons de marrom com preto.

Pavão

aves exoticas 4
Raghu Ramaswamy/iStock/Thinkstock

Para muitos, o pavão é o pássaro mais bonito do planeta, com suas fascinantes cores verdes combinadas com o azul intenso.

pavoreal plumaje
Kandarp/Shutterstock

Esta espécie de ave se alimenta de sementes e insetos e também atua como um dispersor de sementes.

Diamante-de-gould

diamenta de gould
Kateryna_Moroz/Shutterstock

Habitante da Austrália, o Diamante-de-gould se destaca por suas cores marcantes de amarelo, roxo, azul e verde. Existem três subespécies que diferem da cor de suas cabeças: preto, vermelho e laranja.

diamante gould familia
COULANGES/Shutterstock

Eles vivem em climas quentes e tropicais e são sensíveis a climas temperados.

Gralha-azul-de-Taiwan

urraca de formosa
Jenny Kao/Shutterstock

A espécie é geralmente encontrada em grupos de seis ou mais pássaros voando ou em árvores. Eles têm uma dieta baseada em cobras, roedores, sapos e insetos, além de frutas e plantas.

urraca de famosa
Jenny Kao/Shutterstock

Dacnis cayana

dacnis cayana
Sergio ReOli/Shutterstock

O pássaro também é conhecido como saí-azul ou saí-bicudo. Vem da família Thraupidae (aves com plumagem brilhante e bico grosso) encontradas na Nicarágua e na Argentina.

dacnis cayana plumaje
Pablo Rodriguez Merkel/Shutterstock

A espécie vive principalmente como casal, construindo um ninho em forma de xícara para a fêmea colocar 2 a 3 ovos brancos com manchas cinza, enquanto o macho a alimenta.

Bombycilla garrulus

ampelis europeo
rbrechko/Shutterstock

São pássaros muito sociáveis ​​e delicados. Para sua reprodução, eles fazem uma exposição em que ambos cerram suas penas e, ao fazer seus ninhos, escolhem galhos finos e musgos macios.

ampelis europeo plumaje 0
Juha Saastamoinen/Shutterstock

É uma das espécies que adora o frio, podendo ser encontrada em florestas de coníferas e em montanhas mistas nórdicas, como na tundra no Canadá, Alasca e partes da Escandinávia.

Beija-flor

colibri pareja
Ondrej Prosicky/Shutterstock

É uma das menores espécies de aves e se adapta a vários climas, portanto, pode ser encontrada nas Américas, do norte ao sul.

colibri plumaje 0
Paul Wittet/Shutterstock

Eles fazem um movimento tão rápido com suas asas que até emitem um tipo de zumbido. Você sabia que, graças às suas asas, a espécie pode voar de maneiras diferentes e até de cabeça para baixo? É uma habilidade única que outras aves não podem executar.

Paradisaea raggiana

paradisaea apoda
feathercollector/Shutterstock

Da ilha da Nova Guiné para o mundo, a espécie é solitária e territorial. O macho usa sua cauda para demonstrar superioridade e liderança.

paradisaea pajaro
Ondrej Prosicky/Shutterstock

Sua alimentação é baseada principalmente em insetos e frutas pequenas, embora a espécie possa também comer sapos e outros pequenos animais.

Animais em extinção

Matéria traduzida do original de VIX espanhol, do autor Karla Martínez.