explore

O (humano) milagre de Notre-Dame: como cruz e altar sobreviveram à violência do fogo

fogo notre dame incendio 0419 1400c800
Veronique de Viguerie/Getty Images

A catedral de Notre-Dame, um dos marcos arquitetônicos da França, foi parcialmente destruída por conta de um incêndio na segunda-feira, 15 de abril. As chamas se espalharam com uma velocidade difícil de controlar que, infelizmente, terminou na queda da emblemática lança da torre da catedral.

Mas, apesar da violência do fogo, o altar principal e a cruz dentro da catedral permaneceram intactos. O que significa uma luz de esperança que acompanha o anúncio do presidente Emmanuel Macron, em coletiva de imprensa, sobre a campanha com o objetivo de reconstruir Notre-Dame.

Altar principal e cruz de Notre-Dame: intactos

Por incrível que pareça, estas estruturas permaneceram intactas, apesar da enorme destruição que as chamas causaram dentro da catedral e de o teto ter desmoronado, segundo o jornal New York Post.

Isso pode ser explicado em razão dos materiais de construção dessas partes: a cruz de madeira é coberta de ouro. Por outro lado, o telhado de pedra que cobre a cruz conseguiu conter o fogo até que fosse extinto pelo corpo de bombeiros.

Veja o vídeo da corporação no local:

Causas do incêndio

As causas do incêndio ainda são desconhecidas, embora, de acordo com a rede britânica BBC, o início do incêndio possa estar associado a obras de reconstrução que estavam ocorrendo na catedral.

O fogo atingiu as duas torres superiores da catedral e consumiu o pico da Catedral, que caiu entre as chamas, como mostrado no vídeo a seguir:

Reconstrução de Notre-Dame

A reconstrução da catedral de Notre-Dame levará tempo e demandará dinheiro, mas o presidente francês está convencido de que "reconstruiremos esta catedral juntos. É provavelmente parte do destino francês. Será lançado um esquema nacional de doação que vai além das nossas fronteiras", explicou.

Incêndio na Notre-Dame

Matéria traduzida do original de VIX espanhol, do autor Romina Fierro.