explore

Por que não pode comer carne na Sexta-feira Santa: o que significa para quem acredita

biblia religiao cruz 03149 1400x800
BrunoWeltmann/shutterstock

Celebrada na sexta-feira antes do domingo de Páscoa, a Sexta-feira da Paixão ou Santa lembra a crucificação e morte de Jesus. Segundo a religião católica, foi neste dia que Jesus finalmente cumpriu seu objetivo na Terra: pagar pelos pecados da humanidade.

Corpus Christi

Corpus Christi (Corpo de Cristo, em latim) é uma data comemorativa que foi incorporada ao calendário em 1243, na cidade de Liège, na Bélgica. O dia especial surgiu quando uma freira chamada Juliana de Mont Cornillon afirmou ter visto Jesus clamando para que o mistério da Eucaristia recebesse uma celebração de destaque.

missa hostia cruz 0319 1400x800
wideonet/shutterstock

O feriado de Corpus Christi é comemorado sempre em uma quinta-feira, 60 dias após a Páscoa, podendo cair entre os dias 21 de maio e 24 de junho.

Católicos

A data é comemorada em toda a Igreja Católica e lembra a caminhada do povo de Deus em busca da Terra Prometida. No Brasil, a celebração é acompanhada por tradições como a produção de tapetes nas ruas a partir serragem ou areia, representando símbolos e cenas da fé católica.

corpus christi tapete
Pavel1964/Shutterstock

Evangélicos

Os evangélicos não celebram o feriado de Corpus Christi, uma vez que a religião entende ser uma demonstração de idolatria.

Umbandistas

Seguidores da umbanda também não comemoram a data de Corpus Christi, como fazem os católicos.

procissao corpus christi
Kapa1966/Shutterstock

Judeus

Como não se trata de uma religião cristã, o judaísmo não celebra o feriado de Corpus Christi.

Espiritas Kardecistas

Para os espíritas, o Corpus Christi é apenas um feriado comum, sem significativa relevância para a religião.

Budistas

O budismo, por não ser uma religião cristã, também não celebra o Corpus Christi.

Por que católicos não comem carne na Sexta-feira Santa?

Uma das características mais conhecidas envolvendo o período da Páscoa é a “proibição” de comer carne vermelha da Sexta-feira Santa. Quem segue a religião católica adota a tradição por acreditar que o alimento simbolizaria o corpo de Cristo, que derramou seu sangue para salvar a humanidade. Abrir mão da carne, portanto, seria uma forma de respeito ao sacrifício.

carne 2 0119 1400x800
Nitr/Shutterstock

De acordo com o padre Antônio Aparecido Pereira, da Arquidiocese de São Paulo, a privação, na realidade, deveria ser seguida durante toda quaresma, mas atualmente ela acontece apenas no primeiro dia do período e na sexta da Paixão.

Se abster da carne na Sexta-feira Santa é uma opção bastante pessoal, trata-se de um hábito comum, mas não é uma regra do catolicismo. Consumir o alimento no dia não é, por exemplo, considerado um pecado diante da Igreja Católica.

O que mais não pode comer na sexta-feira santa ou da paixão

Se comer carne é “proibido”, o frango está liberado? A dúvida é bastante comum e, apesar de ser uma carne branca, o consumo do frango também seria considerado “inadequado” na data, ainda segundo o padre.

bacalhau prato receitas 0319 1400x800
Natalia Mylova/Shutterstock

"Não há nenhuma explicação teológica a respeito do consumo de frango nessa data, mas a tradição sempre pregou a troca da carne pelo peixe, que é um alimento bíblico. Está tudo ligado ao sangue derramado pelo Cristo. Apesar de o peixe também sangrar, o derramamento de sangue é bem menor do que em outros animais como o boi, o coelho ou mesmo o frango", explica o religioso.

Crenças e religiosidade