explore

É possível estudar em 37 faculdades de Portugal usando o Enem: quais e como?

universidade coimbra bandeira 1016 1400x800
Vaflya/Shutterstock

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) pode, sim, ser usado por estudantes que querem se matricular em universidades de Portugal.

Na lista mais recente (veja no final da matéria), 37 entidades de ensino superior da terrinha aceitam a nota do exame brasileiro como critério de ingresso nos cursos.

Como usar Enem para Universidades de Portugal

universidade coimbra fachada enem 1016 1400x800
Opachevsky Irina/Shutterstock

Em 2014, as Universidades de Portugal mudaram as regras de ingresso para estudantes estrangeiros que, antes, precisavam passar obrigatoriamente por um “Enem português”.

A possibilidade deu origem à primeira parceira do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, o Inep, com a Universidade de Coimbra, uma das públicas mais antigas em funcionamento no mundo.

universidade coimbra enem biblioteca 1016 1400x800
EQRoy/Shutterstock

Para entrar lá, por exemplo, o aluno brasileiro precisa fazer uma espécie de conversão da nota do Enem (do ano em que se candidata ou dos três anos anteriores) para a nota portuguesa, levando em conta que cada curso tem uma nota de peso diferente.

Só então o estudante pode se candidatar para cursos de graduação como Direito, Matemática, Arquitetura, Psicologia.

universidade porto predio enem 1016 1400x800
Fotokon/Shutterstock

A Universidade do Porto, outra instituição de peso no País, também usa a nota do Enem como critério de seleção de brasileiros. Lá, é possível fazer graduação em áreas como Engenharia Mecânica, História, Artes Plásticas, entre outras, e mestrado integrado (que juntam a licenciatura e o mestrado).

Também é necessário consultar a conversão de notas determinada pela instituição portuguesa.

Critérios e dupla nacionalidade

É importante destacar que para usar a nota do Enem nas duas instituições o aluno não pode ter dupla nacionalidade em que uma delas seja de um Estado membro da União Europeia.

Ou seja, se você tiver nacionalidade portuguesa, não poderá entrar por esse sistema de notas.

Cada universidade, vale lembrar, tem calendário de candidatura e forma de preenchimento diferentes. Também é necessário pesquisar individualmente a necessidade de validação do diploma português e de liberação para exercício da profissão depois de formado no Brasil.

E, atenção: o ingresso por nota do Enem não significa que o aluno terá uma bolsa de estudo ou ajuda dos governos brasileiro ou português para bancar os estudos, moradias, entre outras despesas.

A parceria entre as instituições só facilita o processo seletivo dos estudantes.

Lista de faculdades portuguesas que aceitam Enem:

Portugal: turismo e estudos