explore

Quanto custa ir à Rússia ver a Copa e outros 8 passeios incríveis para fazer por esse preço

russia copa do mundo 1400x800 0717
Baturina Yuliya/shuttestock

Quem pretende acompanhar alguns jogos da Copa do Mundo na Rússia, entre 14 de junho e 15 de julho de 2018, já precisa começar a se planejar financeiramente. Apesar de a experiência ser inesquecível, os valores a serem desembolsados são muito altos e podem fazer muito torcedor fanático desistir - ou escolher outros destino.

Quanto custa assistir a Copa do Mundo na Rússia?

russia mascote 1400x800 0717
Caromai/shutterstock

Se você optar por pacotes em companhias de viagens, irá desembolsar, no mínimo, cerca de R$ 17,2 mil*. Pacotes completos podem ser mais caros que um carro popular: R$ 57,9 mil na cotação atual**.

Ainda não é possível dizer com precisão o custo de cada ingresso para os jogos, já que a Fifa ainda não liberou a venda em seu site. Porém, segundo um levantamento feito pelo VIX, não seria possível passar o mês da Copa na Rússia sem desembolsar, no mínimo, R$ 13 mil. E isso sem incluir nenhum ingresso para os jogos.

Ingressos

Ainda está difícil cotar precisamente quanto ficaria assistir aos jogos porque a única opção de compra de ingressos é no sistema chamado “Hospitality”, uma forma oficial que agências credenciadas têm para vender os ingressos. Dessa forma, cada jogo da primeira fase sai por cerca de R$2.700,00 na cotação atual (US$ 850,00).

A vantagem do consumidor é ter o ingresso garantido sem precisar fazer a compra no site da Fifa e depender do sorteio eletrônico. Porém, é provável que esse serviço forneça preços mais baratos. Tanto que é quando os brasileiros preferem comprar os pacotes das companhias.

Segundo a Agaxtur, empresa credenciada a vender pacotes para a Copa, “os grandes aficionados pelo futebol deixam para comprar o pacote apenas em dezembro, quando é feito o sorteio dos grupos e a definição das cidades onde o Brasil irá jogar”, como analisou em nota enviada ao VIX.

Em dezembro de 2017, a Fifa disponibilizará em seu site a venda para os ingressos, e cada pessoa, por meio de sorteio, poderá comprar os jogos que pretende ver. Nessa época já será possível, também, saber onde o Brasil irá jogar.

Na Copa realizada no Brasil, o ingresso mais barato para assistir aos jogos foi de R$ 60,00 e o mais caro, R$ 1.980,00. 

Passagens aéreas

Mas já se sabe que as duas principais sedes da Copa serão Moscou e São Petersburgo. Uma passagem de ida e volta na época do mundial, no trecho São Paulo-Moscou, sai por R$ 4.277,00. A viagem dura entre 16 e 20 horas e tem algumas paradas no caminho.

Somente o valor da passagem para a Rússia já pagaria a viagem que uma pessoa natalense poderia fazer, na mesma época, para curtir o frio em Porto Alegre. A passagem entre o Rio Grande do Norte e o do Sul, no período junho e julho, não passa dos R$ 1.976,00. Com os R$ 2.300 restantes seria possível se acomodar em um hotel três estrelas da capital gaúcha por um mês, segundo sites de hospedagem.

Custo de vida em Moscou

moscou 1400x800 0717
Viacheslav Lopatin/shutterstock

Apesar dos preços altos para ir até a Rússia, ficar por lá cerca de um mês não é tão mais caro assim do que algumas capitais brasileiras. A plataforma Expartisan analisa e compara o custo de vida de várias cidades do mundo e, segundo seus dados, Moscou é 16% mais barata que o Rio de Janeiro.

Para se ter uma ideia, almoçar lá em locais comerciais custa por volta de R$ 34,00. Claro que você conhece um ou outro “prato feito” mais barato que isso, mas não dá para dizer que é tão diferente quanto aqui. E, como o transporte russo é eficiente, você consegue ir para várias estádios da Copa de metro ou trem com gastos 37% mais baratos do que em São Paulo.

Aliás, quando a plataforma começa a esmiuçar tudo que é possível fazer na cidade, a gente percebe que não se trata do local mais caro da Europa, já que Barcelona, por exemplo, é 20% mais cara que a capital russa, enquanto que Paris chega a ser 70% mais onerosa.

O que fazer com R$ 57 mil, o pacote mais caro?

Réveillon de luxo

Quem quiser passar o réveillon na suíte mais luxuosa do hotel Copacabana Palace tem que desembolsar, por cinco noites, o mesmo de quem pretende passar o mês da Copa na Rússia, pelo menos foi assim em 2015.

Por 30% desse valor, aliás, dois adultos e duas crianças veriam a tradicional queima de fogos do próximo réveillon na orla carioca dentro do cruzeiro Soberano com todas as refeições inclusas na pacote da CVC.

Cruzeiro no Caribe

E por falar em cruzeiros, conhecer a costa caribenha em casal por uma semana em setembro, na suíte com varanda, em plena alta temporada, custaria cerca de R$ 45,5 mil.

Os mais de R$ 10 mil restantes poderiam ajudar a pagar o resto das despesas, já que esse preço inclui apenas a suíte mais cara do navio.

Cruzeiro pelas Américas para 3 pessoas

O preço de ir para todos os jogos da Copa, além da acomodação e vantagens dos pacotes completos, cobriria também um cruzeiro de 14 dias entre países da América do Norte e Central. Por R$ 55,1 mil, três pessoas poderiam dividir a suíte familiar desse navio que passa pelos Estados Unidos, Colômbia, México e Panamá.

Conhecer a Disney

O que encarece muito a viagem é a quantidade de dias que se pretende passar na Rússia e as vantagens de transfer e guias que as companhias oferecem. Por cerca de R$ 56 mil, a Agaxtur fecha um pacote com 33 noites de hospedagem, transporte e passeio entre as cidades dos jogos e guias brasileiros.

Esse é o triplo do valor que a mesma empresa cobra para uma família de quatro pessoas passar a semana do natal na Disney. Caso dois adultos e duas crianças optassem por passar os 30 dias da Copa no parque do Mickey, o valor seria quase a mesma coisa que ir para o torneio na Rússia. 

russia2018 1400x800 0717
Zabotnova Inna/shutterstock

Pacotes mais baratos: viagens para fazer com R$ 17 mil

Luxo no litoral para a família

O preço de R$ 17,2 mil é o pacote mais em conta da agência Stella Barros Turismo, incluindo aí o custo para apenas um jogo do Brasil na primeira fase. Com esse valor, você, a pessoa que te acompanha e mais duas crianças conseguiriam passar seis diárias no Sofitel Jequitimar em janeiro, no Guarujá.

Semana em um dos melhores hotéis do Brasil

Sabendo que a suite master para um final de semana no Botanique Hotel & Spa de Campos do Jordão, um dos hotéis mais caros e refinados do Brasil, chega a R$ 4.600,00 por noite, um casal conseguiria passar quase uma semana com todas as refeições inclusas e descansando em lençóis de mil fios bordados a mão.

Conhecer Cancún

Com esse dinheiro, uma pessoa sozinha conseguiria passar seis dias de baixa temporada em Cancún no pacote que inclui tudo da Nix Travel - e ainda sobraria R$ 2,5 mil para trazer muita lembrancinha da viagem.

Austrália para 1

Com menos do que isso, cerca de R$ 15,5 mil, é possível passar quatro semanas estudando em Sydney, na Australia, e se hospedando em casas de família pela agência S7 Study.

Embora os valores possam assustar e seja preciso ponderar muito se, para as suas finanças, vale a pena ou não acompanhar o Brasil no mundial, a gente sabe que nada paga a alegria de comemorar um gol em Copa do Mundo.

*Valores pesquisados em julho de 2017 sujeitos a alterações.

**De acordo com a cotação do euro em 17/07/2017. 

Mais sobre esportes