glam

Nova marca de Marina Ruy Barbosa vende roupas com etiquetas que viram plantas

Aos 25 anos, Marina Ruy Barbosa acaba de lançar a Ginger, sua primeira marca de roupas. O projeto que promete unir moda, arte e sustentabilidade trouxe em sua primeira coleção uma série de peças comfy que, apesar dos preços altos, esgotaram em menos de 24 horas após o lançamento.

Em seu perfil no Instagram, a atriz e empresária revelou que uma de suas principais preocupações em relação à marca é oferecer peças sustentáveis, o que inclui até a etiqueta das roupas. Veja detalhes:

Etiqueta sustentável

A primeira coleção da marca de Marina, a "Prefácio", trouxe peças confortáveis e bem fashionistas confeccionadas 100% em algodão. Dentre elas estão o conjunto de blusa e short que fez sucesso no corpo da ruiva recentemente e uma calça jogger.

Os modelitos custam entre R$ 367,00 e R$ 527,00 cada, mas já estão esgotados. A única peça que encontra-se disponível no e-commerce da marca de Marina é uma ecobag, que sai por R$ 35,00.

ginger marca marina ruy barbosa 0720 1400x700
Ginger

Além de um site conceitual, a marca também conta com um perfil no Instagram, onde foi revelado um detalhe curioso sobre as etiquetas de suas peças. Todas elas são confeccionadas em papel-semente, o qual pode ser plantado e dar origem a uma plantinha.

"PAPEL-SEMENTE é um papel reciclado, biodegradável e artesanal que recebe sementes no seu processo de fabricação e pode ser plantando após o uso. Dessa forma, as tags da Ginger ao invés de virarem lixo, se tornam plantinhas", explica a marca na legenda da publicação.

Curiosidades sobre Marina Ruy Barbosa