mulher

Influencer lamenta a perda de um bebê após o parto de gêmeos: "Um anjinho"

Depois de um parto prematuro, a influenciadora Maluzinha comunicou que um de seus filhos acabou não resistindo. Afastada das redes, ela publicou uma mensagem usando os stories do Instagram para contar que o menino havia sofrido uma parada cardíaca.

Na mensagem, ela ainda reforçou o pedido de orações pela filha que seguia na UTI neonatal após nascer de sete meses de gestação.

Influenciadora lamenta a morte de um dos filhos prematuros

A influenciadora Maluzinha comoveu seus seguidores na noite da última terça-feira (6). Após contar que os filhos gêmeos haviam nascido em parto prematuro e que estavam internados na UTI neonatal, ela usou as redes para anunciar que seu menino, João, não havia sobrevivido.

"Viemos aqui comunicar a todos que Deus levou o nosso João. Nossos corações estão despedaçados, mas seguimos acreditando que Deus tem um grande propósito para tudo e que agora nosso pequeno guerreiro é um anjinho que estará olhando por nós e por sua irmãzinha!", afirmou.

Maluzinha contou que o bebê teve uma parada cardíaca e não suportou. "Peço a todos que continuem as orações pela nossa pequena Maria, para que logo ela esteja em casa conosco!", completou.

No domingo (4), a influenciadora anunciou o parto. "Fizemos a cesárea, minhas vidas nasceram. João um pouco mais forte, já chegou chorando horrores. Maria, um pouco mais debilitada, foi mais contida, mas também chorou! E eu não tenho como descrever o tamanho da minha alegria/realização/amor que senti naquele momento, eles tão pequeninos, tão indefesos, mas fortes lutando pra sobreviver, na verdade, dois guerreiros iguais à mamãe!", afirmou.

A gestação de Malu foi registrada em seu perfil no Instagram. Durante o anúncio, ela contou que não era um plano, mas que ela e seu marido, Roninho, receberam a notícia com muita felicidade, principalmente por que ela já havia sofrido dois abortos espontâneos.

Pouco depois, ela contou que não estava esperando um, mas dois bebês.

Famosas grávidas