mulher

Prós e contras de colocar o bebê para dormir com os pais: o que a ciência diz

mae dorme bebe 0819 1400x800
Bricolage/shutterstock

Os primeiros meses após a chegada do bebê são marcados por novidades, emoções e grandes desafios para os pais. Na hora de dormir, pode ser tentador levar o pequeno para sua cama. Além de garantir a proximidade e o afeto, o hábito poderia deixar mãe e pai mais tranquilos na vigília da criança. Mas a pergunta que fica é: colocar o bebê para dormir com os pais é seguro?

mama bebe descansando shutterstock 0
Prostock-studio vía Shutterstock

Bebê dormir junto com os pais: prós

Deixar o bebê dormir na mesma cama que você pode parecer uma excelente ideia para tornar a amamentação mais fácil ou aprofundar ainda mais o vínculo de carinho. Pode, inclusive, ser a maneira mais fácil e rápida de tranquilizá-lo quando ele chora à noite.

De acordo com um estudo pelo pesquisador James McKeena, da Universidade Notre Dame, no periódico científico Acta Paediatric, colocar o bebê para dormir junto com os pais permite que ele esteja em um ambiente rico sensorialmente e sincroniza as fases do sono entre mãe e bebê, impactando no desenvolvimento do sono.

colecho 3
Oksana Shufrych / Shutterstock.com

Contras da cama compartilhada

De acordo com organizações e associações de pediatria, como a Academia Americana de Pediatria (AAP), a Academia Espanhola de Pediatria (AEP) e o National Childbirth Trust (NCT), o hábito de deixar o bebê dormir na mesma cama que os pais não é recomendável.

colecho 5
Oksana Kuzmina / Shutterstock.com

Segundo os especialistas, a maneira mais segura é fazer com que o bebê até seis meses de idade durma no mesmo quarto que os pais, mas em um berço perto da cama dos adultos.

Os bebês devem estar deitados de costas (barriga para cima), em uma superfície firme, plana e limpa. Não deve haver objetos como bichos de pelúcia, travesseiros ou lençóis soltos que possam aumentar o risco de o bebê ficar preso ou sufocado.

bebe dormido
Inara Prusakova / Shutterstock.com

De acordo com a AAP, o bebê dormir no quarto com os pais reduz o risco de síndrome da morte súbita infantil (SMSI) em até 50%. Mas, para muitos pediatras, compartilhar a mesma cama aumenta o risco de morte da criança por asfixia.

colecho bebes
Monkey Business Images/shutterstock

Berços adjacentes

Os chamados berços adjacentes (ou secundários) são uma alternativa para dormir com ele na mesma cama, já que ele desfruta de seu próprio espaço seguro. Além disso, este tipo de berço facilita a amamentação noturna, pois dá livre acesso entre o corpo do bebê e a mãe.

Para o Comitê de Aleitamento Materno da Associação Espanhola de Pediatria, o berço adjacente é uma opção para pais que desejam manter maior proximidade com seu bebê durante a noite.

colecho 4
Ekaterina Pokrovsky / Shutterstock.com

Sono do bebê

Matéria traduzida do original de VIX espanhol, do autor Raquel Ortiz.