mulher

Deixar bebê chorando não o faz pegar no sono mais rápido: ciência diz que solução é carinho 

bebe dormindo 0619 1400x800
Jacob Lund/Shutterstock

Os bebês são seres completamente dependentes dos pais, significa dizer que pouco sabem o que fazer para conseguir suprir suas necessidade e, a maneira que encontram para comunicá-las é através do choro. É através do choro que os pequenos dizem aos seus pais e mães que estão com fome, assustados, com sono, com medo...o choro nada mais é do que um pedido de atenção.

Deixar chorando para dormir

bebe chorando 1118 1400x800
Odua Images/Shutterstock

Mesmo diante da importância do choro e de acolher os bebê, se popularizou a ideia de que é benéfico para os bebês pararem de chorar sozinhos. Com essa mentalidade, pais e mães não oferecem conforto aos pequenos durante o choro, na expectativa de que assim ele vá se adaptando à rotina. No entanto, o que muitos pediatras e pesquisadores demonstram é o oposto.

Importância do colo

O colo dos pais costuma ser um dos lugares preferidos dos bebês, e não é para menos que seja tão frequente a vontade do pequeno em se aconchegar em seus braços. Geralmente quanto menor o bebê, mas necessidade ele tem de estar no colo dos pais, e ao passo que vai crescendo, vai adquirindo mais segurança para explorar o mundo engatinhando ou com os pezinhos no chão.

Carinho para uma boa noite de sono

bebe choro colo 0519 1400x800
JMiks/shutterstock

Um novo estudo publicado na revista acadêmica Pediatrics confirma o que muitas mães podem saber instintivamente: pegar e carregar um bebê agitado normalmente acalma e relaxa a criança. Mas o que ele comprova cientificamente é que o movimento e o aconchego do colo - da mãe ou do pai - contribuem para que o bebê caia no sono mais rápido e durma com mais qualidade.

Entenda o estudo

No estudo, 279 mães foram acompanhados por 12 meses. Nesse período, as mães foram divididas em dois grupos e seguiram determinações diferentes para colocar os bebês para dormir. O primeiro foi orientado a não deixar o bebê chorar, ou seja, acolhia o pequeno assim que ele começava a chorar. Já o segundo grupo agiu sem qualquer orientação.

Resultados

bebe colo dormindo sono maternidade 12
Joana Lopes / Shutterstock

Conforme observado pelos pesquisadores, os bebês que receberam carinho dormiram até 35 minutos mais ao dia quando estavam com oito semanas. Já com 16 semanas, eles dormiram mais 25 minutos que o grupo de bebês cujas mães não receberam orientação. Com 40 semanas, o tempo a mais de soneca passou a 22 minutos.

Essa pesquisa nos ajuda a concluir que, ao contrário do que vem sendo popularizado, o colo e o carinho é o melhor caminho para garantir que o pequeno pegue no sono mais rápido e durma com qualidade.

Risco de negar colo

resfriado nariz bebe 0519 1400x800
Antonio Guillem/ShutterStock

De acordo com a neurocientista e professora no Departamento de Farmacologia e Fisiologia na Universidade Drexel, na Filadélfia (EUA) e idealizadora do projeto "crescer sem violência", Andreia Mortensen, o comportamento de negar o colo ao bebê vem de uma mentalidade de que o aprendizado vem do sofrimento e não do exemplo e da empatia.

Os efeitos dessa negligência à longo prazo não podem ser calculados com exatidão, mas sabe-se que traumas que ocorrem no período de desenvolvimento dos bebês podem deixar resquícios até que cheguem na vida adulta - e podem induzir a uma série de alterações danosas ao organismo, como alergias, processos autoimunes e, inclusive, problemas relacionais.

Vínculo com o bebê