Amamentação: nutricionista manda "desouvir" frases que toda mulher já escutou

leite materno amamentacao 0519 1400x800
anna sanfeliu gozalvez/Shutterstock

Amamentar é um gesto de amor, mas que pode envolver certo sacrifício nos primeiros dias com o recém-nascido. Depois que a mãe supera as dores e o bebê aprende a mamar corretamente, torna-se um ato prazeroso para ambos. Mas aí surge outro problema: lidar com os palpites nem sempre certeiros das pessoas em volta. Como lidar com essa situação?

Palpites sobre amamentação desnecessários

mae amamentacao bebe 0419 1400x800
HTeam/Shutterstock

Mesmo depois de tanto esforço e dedicação ao pequeno, a mãe que amamenta é obrigada a escutar certos absurdos que, infelizmente, ainda são ditos com muita frequência. A nutricionista Carolina Sartori listou algumas das frases que devem ser "desouvidas" pelas mães:

1. "Essa criança mama demais"

Que bom! Leite materno nunca é demais, e deve ser fornecido em livre demanda. Se a criança ficar no peito por muito tempo sem conseguir mamar direito, aí é outra história - pode ser língua presa que atrapalha a sucção.

2. "Tem que mamar no horário certo"

O termo "livre demanda" já diz tudo: o bebê deve mamar na hora em que ele sentir fome. Não existe "dieta" com horário definido de refeição - afinal, o que eles precisam é GANHAR peso.

3. "Já está muito grande para mamar"

Em vez disso, deveriam dizer "que bom que ela continua mamando!". A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que os bebês sejam alimentados exclusivamente pelo leite da mãe até os 6 meses e que a amamentação continue acontecendo, junto com outros alimentos, por até 2 anos ou mais.

4. "Se não desmamar não vai dormir a noite toda"

Pelo contrário: ao trocar o leite materno por fórmulas, os pais terão muito mais trabalho para prepará-las de madrugada, e o sono do bebê também será prejudicado. À medida que a criança for ajustando seu relógio biológico, começará a dormir a noite toda naturalmente.

5. "O leite fica fraco depois de um tempo"

Esta é uma mentira cruel que costuma deixar as mães inseguras, embora não tenha nenhum fundamento. Não existe leite fraco. Em qualquer situação, o leite materno sempre terá todos os nutrientes que a criança precisa.

leite materno bombinha 0519 1400x800
evso/Shutterstock

6. "Essa criança está fazendo seu peito de chupeta"

Em vez de pensar que você está sendo "manipulada" pelo seu filho, prefira acreditar nos fatos: a sucção não nutritiva é uma parte importante da amamentação e ajuda a desenvolver o emocional da criança, além de estimular a produção de leite.

7. "Depois que a criança começa a comer não precisa mais mamar tanto"

Durante a introdução alimentar, o leite materno fornece nutrientes importantes para o crescimento do bebê e o desenvolvimento de seu sistema imunológico. Portanto, pode mamar o quanto quiser mesmo depois de começar comer.

bebe mama peito 0519 1400x800
Oksana Kuzmina/Shutterstock

8. "Já está na hora de desmamar"

A amamentação diz respeito apenas à mãe e ao filho, e só eles podem saber qual é a hora certa para o desmame.

9. "Passa pimenta no peito para desmamar"

Táticas "terroristas" como esta servem apenas para traumatizar o bebê e podem até dificultar o processo de desmame.

10. "Se amamentar demais seu peito vai ficar feio"

Em primeiro lugar, se uma mãe amamenta demais, deveria ganhar parabéns. Depois, o peito da mulher foi projetado especificamente para esta finalidade. Portanto, pode muito bem se recuperar naturalmente. Além disso, existem vários outros fatores que podem deixar o peito caído, como genética, alimentação e sedentarismo.

11. "Melhor complementar com fórmula para você ter sossego"

O uso de fórmulas é totalmente desnecessário durante o aleitamento materno e pode até ser prejudicial. Ao primeiro contato com a mamadeira, a criança tende a deixar o peito. E lá se vão todos os nutrientes que só o leite materno tem. Além do mais, quer definição melhor de sossego do que o momento mágico de amamentar uma criança?

12. "Essa criança vai ficar mal acostumada"

Mau costume seria tomar mamadeira com leite artificial, não é mesmo?

13. "Não pode amamentar depois que a criança come porque prejudica a absorção do ferro"

Outro mito que vem disfarçado de constatação científica e pode ser muito prejudicial para as mães que acreditarem nisso. Segundo informações do Ministério da Saúde, o ferro presente no leite materno é de mais fácil absorção pelo organismo do bebê do que o encontrado em outros alimentos.

14. "Leite materno congelado perde os nutrientes"

O leite pode ser congelado por até quinze dias sem perder sua qualidade nutricional.

15. "Amamentar é coisa de pobre porque rico pode comprar fórmula"

"Por mais chocante que seja, tem gente que realmente diz isso", afirma a nutricionista Carolina Sartori.

View this post on Instagram

1. Essa criança mama demais 2. Tem que mamar no horário certo 3. Já está muito grande para mamar 4. Se não desmamar não vai dormir a noite toda 5. O leite fica fraco depois de um tempo 6. Essa criança está fazendo seu peito de chupeta 7. Depois que a criança começa a comer não precisa mais mamar tanto 8. Já está na hora de desmamar 9. Passa pimenta no peito para desmamar 10. Se amamentar demais seu peito vai ficar feio 11. Melhor complementar com fórmula para você ter sossego 12. Essa criança vai ficar mal acostumada 13. Não pode amamentar depois que a criança come porque prejudica a absorção do ferro 14. Leite materno congelado perde os nutrientes 15. Amamentar é coisa de pobre porque rico pode comprar formula PARA TODAS ESSAS VOCÊ PODE RESPONDER GENTILMENTE: “vai caçar um pau para você subir” ou simplesmente finja demência 😌. E aí? Quais as outras merdinhas que vocês já ouviram durante o período da amamentação? 😂 Ps: por mais chocante que seja a 15, tem gente que realmente diz isso. Ps2: se foi o pediatra que disse uma dessas frases? Simples: troca de pediatra.

A post shared by Carolina Sartori (@sartori.carol) on

Dicas de amamentação