Hipotireoidismo na gravidez afeta saúde do bebê: 10 sintomas iniciais do problema

feto bebe utero 0519 1400x800
labden/shutterstock

O hipotireoidismo é uma doença caracterizada pelo mau funcionamento da tireoide, ou seja, ocorre quando a glândula localizada na parte da frente do pescoço é incapaz de produzir hormônios suficientes para suprir as necessidades do organismo.

glandula da tireoide 1018 1400x800
art4stock/shutterstock

A condição, que pode ser desencadeada por variados fatores, provoca diversos prejuízos à saúde e, durante a gravidez, é considerada ainda mais arriscada, uma vez que também pode afetar o bebê.

Hipotireoidismo durante a gravidez

barriga gravidez gestacao 0519 1400x800
zffoto/Shutterstock

De acordo com José Augusto Sgarbi, presidente da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM-SP), o hipotireoidismo materno, quando não tratado, pode causar sérios problemas de saúde do bebê, incluindo insuficiência cardíaca e retardo mental.

Os hormônios da tireoide que vêm da mãe são fundamentais para o desenvolvimento dos órgãos do feto nas primeiras 12 semanas de gestação. Quando o bebê não tem o aporte necessário dos hormônios tireoidianos nesse período, as consequências para a saúde podem ser irreversíveis.

feto gravidez gravida bebe barriga 3d 0519 1400x800
Explode/Shutterstock

Segundo o especialista, podem ocorrer alterações da cognição, diminuição do quociente de inteligência, defeitos da fala e até retardo mental. Segundo informações da SBEM-SP, entre os sintomas mais comuns de hipotireoidismo são:

  • Desânimo
  • Cansaço
  • Tendência à depressão
  • Ressecamento e queda dos cabelos
  • Ressecamento da pele
  • Unha fraca e quebradiça
  • Ganho de peso sem aumento de ingestão de alimentos
  • Diminuição da concentração
  • Prejuízo da memória
  • Constipação
tireoide saude mulher 0118 1400x800
bymuratdeniz / iStock

Durante a gestação, as mulheres com hipotireoidismo devem ter aumentada sua dose diária de hormônio da tireoide (T4). O tratamento com administração do hormônio ocorre sem complicações para a mãe ou o feto. No período, a grávida deverá receber acompanhamento frequente com o endocrinologista e usar o mínimo de drogas antitireoidanas possível.

Hipotireoidismo: dúvidas