mulher

Andressa Suita revela 4 táticas para aumentar produção de leite: elas funcionam?

View this post on Instagram

Meu dengo 👶🏻

A post shared by Andressa Suita (@andressasuita) on

Mãe dos pequenos Gabriel e Samuel, que têm apenas um ano e 24 dias de diferença de idade, Andressa Suita aproveitou uma soneca do caçula para bater um papo com suas seguidoras nas redes sociais.

Em alguns vídeos publicados em seu Instagram Stories, a esposa de Gusttavo Lima afirmou que tem produzido muito leite e que o recém-nascido tem mamado bastante, e ainda aproveitou a ocasião para responder uma dúvida frequente de suas seguidoras: o que ela faz para estimular a produção de leite materno.

A modelo revelou quatro de suas táticas para aumentar a produção do leite, as quais também envolvem a ingestão de comidas e líquidos. Em entrevista ao VIX, duas especialistas apontaram quais dessas práticas são mitos ou verdades. Veja:

Dicas para aumentar a produção de leite materno

1. Comer canjica: mito

canjica doce canela 0618 1400x800
Iuliia Timofeeva/Shutterstock

De acordo com Miquelina Lucia Santarsiere Etchebehere, pediatra do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, comer canjica não aumenta a lactação.

"O que é sabido é que a mãe precisa manter o aporte calórico básico para não se desnutrir, e isso é alcançado com a ingestão de leite, frutas, legumes, carnes e outros alimentos. No caso da canjica, por ter como base o leite, serve como uma fonte de reposição de calorias, apenas", diz.

Já para a pediatra Marcia Lika Yamamura, especializada em infectologia pediátrica e professora da Escola Paulista de Medicina, a canjica é preparada com leite e adoçada com açúcares ou adoçantes, substâncias que podem causar cólicas nos bebês.

2. Ingerir bastante água: verdade

agua copo jarra 0112 1400x800
iStock

Assim como manter uma alimentação equlibrada, consumir bastante líquido favorece a produção do leite materno. Dentre eles, dra. Miquelina indica que as mamães deem preferência para a água e para a água de coco, desde que não possuam adoçantes, conservantes e açúcares.

"A mãe deve tomar muito cuidado com o que irá ingerir, como temperos, chocolate, café, entre outros, pois suas substâncias podem ser ingeridas pelo bebê através do leite", diz a pediatra.

3. Beber suco de uva integral: mito

suco de uva 0217 1400x800
Chamaiporn Naprom/Shutterstock

Os sucos costumam ser bem aceitos pelas mamães durante a amamentação por serem líquidos, porém, deve-se tomar cuidado com a ingestão dos que são muito adocicados pois, assim como o leite, podem provocar cólicas nas crianças.

De acordo com a dra. Miquelina, não existem estudos que comprovem que algum componente da uva realmente estimule a produção do leite materno.

4. Ordenhar o leite: parcialmente verdade

ordenha de leite materno 0818 1400x800
evso/Shutterstock

Segundo a dra. Marcia, a ordenha é indicada em algumas situações, como quando a criança não suga o leite potentemente, assim, esta prática faz com que o leite desça com maior facilidade e que a criança o mame quando ele já estiver para sair.

Outra situação diante da qual a ordenha é indicada é quando a criança mama pouco, como nos casos dos prematuros. A prática fará com que o leite que não foi usado na mamada seja retirado, a fim de não deixá-lo acumular, evitando uma mastite (inflamação nas glândulas mamárias).

Quando não há nenhum destes problemas em relação à amamentação, não há necessidade de realizar a ordenha.

Dicas de amamentação