mulher

Homens estão virando pais melhores graças a 3 características na criação, diz ciência

pai filho paternidade colo 11
Dina Uretski / Shutterstock

Um novo estudo mostra que os homens estão mudando em relação à paternidade, deixando a masculinidade de lado e oferecendo maior apoio emocional aos filhos. Cientistas da Brigham Young University e Ball State analisaram dados de 2.194 pais de crianças de 2 a 18 anos, investigando o comportamento dos homens no relacionamento com os filhos.

Os pesquisadores descobriram que houve uma mudança na forma como os pais estão vendo seus papeis, se envolvendo cada vez mais na vida das crianças.

Mas, enquanto a maioria dos homens acredita que tem uma função tão importante quanto as mães na criação dos filhos, ainda existe um grupo que acha que paternidade está relacionada apenas à chefia da família e à disciplina das crianças.

Características dos novos pais na criação dos filhos

bebe sling pai 0518 1400x800
Halfpoint/Shutterstock

1 – Excesso de masculinidade

A pesquisa publicada no Journal of Marriage and Family constatou que os pais mais envolvidos com aspectos negativos da masculinidade, como não demonstrar sentimentos e não pedir ajuda, estão mais propensos a criar os filhos com disciplina rígida. E isso reduz as chances de viver a experiência da paternidade de forma engajada e carinhosa.

2 – Pais mais ativos na educação dos filhos

Os resultados da nova pesquisa revelam que os pais estão se envolvendo mais não só na criação, como nas atividades cotidianas dos filhos – das crianças novas às mais velhas.

"Descobrimos que os pais de hoje passam mais tempo, prestam mais atenção e são mais carinhosos com seus filhos do que nunca", disse Kevin Shafer, professor de sociologia da BYU e co-autor do estudo ao site da universidade.

pai filho abraco colo paternidade 11
Halfpoint / Shutterstock

3 – Equilíbrio entre os papeis de homem e pai

Os estudos também mostraram que os ideais de paternidade continam em mudança e que muitos homens ainda lutam contra as normas masculinas para ficar emocionalmente disponíveis aos filhos. Estes novos pais sabem que ensinar meninos a demonstrar seus sentimentos e emoções é o primeiro passo para os filhos, no futuro, encararem a paternidade que prioriza o carinho, bem-estar e interação.

Dicas para melhorar a relação com os filhos

Com base nos estudos, os pesquisadores fornecem algumas dicas aos pais:

  • Não há problema em demonstrar seus sentimentos, isso ajudará a ser um pai melhor, mais envolvido e engajado;
  • Seja um exemplo: as crianças aprendem com atitudes positivas;
  • Há muitas maneiras de ser um homem: fazer o estilo “durão” está associado à má educação dos filhos e pode influenciar negativamente as crianças;
  • Não é preciso ter medo de ser carinhoso, demonstrar amor e carinho. As crianças e a família como um todo só se beneficiam com sentimentos amorosos.

Importância dos pais no crescimento dos filhos