mulher

Enrico Bacchi tem cantinho montessoriano com casinha de madeira: saiba como copiar

karina bacchi e enrico 1117 1400x800 0
karinabacchi/Instagram

Enrico Bacchi já pode se considerar um bebê de sorte. Além de receber muito amor e carinho da sua família, ele tem diversos cantinhos onde pode descansar e brincar. Fora os quartinhos modernos e com espaços bem aproveitados, um em sua casa, onde vive com a mamãe, e outro na casa de seus avós, o pequeno também ganhou um ambiente montessoriano em seu lar.

Os quartinhos montessorianos estão cada vez mais populares entre os papais que desejam estimular a autonomia e independência de seus bebês, e isso é possível através da adaptação dos móveis para a perspectiva da criança, tornando os ambientes mais favoráveis ao seu desenvolvimento.

Como criar quartos montessorianos?

"Montessoriano" é um método de ensino criado pela educadora italiana Maria Montessori, no início do século XX, que começou dentro das salas de aula e atualmente invade os quartinhos das crianças através da decoração. Dentre as principais características de um ambiente como este estão:

1. Nada de berços altos

Os berços na altura dos adultos perdem a vez para as caminhas no chão, que, na maioria das vezes, são confeccionadas como uma casinha de madeira, como a de Enrico. Esta opção proporciona maior liberdade para o bebê, que pode deitar e levantar quando quiser.  

2. Itens de decoração e objetos na altura da criança

Objetos como quadros, prateleiras e espelhos devem estar na altura do olhar do bebê, todos bem fixados e de uma maneira segura para evitar acidentes. Também é importante verificar se o ambiente está livre de quinas e elementos cortantes.

Livros e roupas devem ser alcançáveis para a criança, para que ela possa explorar o espaço e fazer suas escolhas, estimulando seu desenvolvimento e autonomia.

3. Espaço para a brincadeira 

Nos quartinhos dos bebês deve haver um espaço dedicado à brincadeira e à criatividade. No cantinho montessoriano de Enrico, há diversos brinquedinhos espalhados pelo chão sobre um tapetinho bem confortável, por exemplo.

Seja com bonecos, lápis, papéis ou jogos, tudo deve estar à disposição da criança e devem ser oferecidos em esquema de rodízio, trocando-os a cada duas semanas para despertar interesse e não gerar monotonia. 

Quartinhos dos filhos das famosas