Pequeno teste para descobrir se o récem-nascido tem dor de ouvido: médica ensina

bebe choro banho 1116 1400x800
Vilches/istock

O bebê chora demais e você não consegue entender qual o real motivo? Talvez você não tenha se dado conta, mas também os bebês recém-nascidos podem ter dores de ouvido e para as mamães, principalmente as de primeira viagem, é muito difícil identificar o que o bebê está sentindo. 

Faça teste simples para dor de ouvido

A médica otorrinolaringologista, Jeanne Oiticica, aconselha fazer uma pressão no “tragus”, a pequena cartilagem um pouco acima do lóbulo da orelha, que fica bem na frente do canal do ouvido. Não use força, apenas pressione levemente a entrada do ouvido do bebê e observe a reação da criança.

“Em caso de choro, repulsa e desconforto visível ao toque e ou à pressão, reforça-se a suspeita”, explica a médica. Nesse caso, o pediatra, um especialista em otorrinolaringologia ou o serviço de pronto atendimento deve ser procurado pelos pais.

bebe agasalhado chorando 0217 1400x800
Oleg Malyshev/Shutterstock

Uma causa bastante conhecida e aparentemente inofensiva para a dor de ouvido, segundo a especialista, é a utilização de hastes flexíveis pelo canal do ouvido, por exemplo, após o banho. O hábito, apesar de bastante comum, é completamente desaconselhável. Tanto que há um alerta em qualquer embalagem do produto para não fazê-lo.

“O cotonete, ao ser introduzido no canal do ouvido, causa uma fricção local da pele, desloca e retira a camada gordurosa protetora (produzida pelas glândulas ceruminosas, o cerume), gera microfissuras na pele, que podem ser porta de entrada para infecções por bactérias, fungos e vírus”, completa. 

Aprenda outras dicas de cuidado do bebê