Bebê chorou ao mamar? Cuidado que pode ser dor de ouvido! Veja os indícios

mama amamentacao aleitamento materno 0117 1400x800
Romanova Anna/Shutterstock

O bebê chora demais e você não consegue entender qual o real motivo? Talvez você não tenha se dado conta, mas bebês recém-nascidos também podem ter dores de ouvido e para as mamães, principalmente as de primeira viagem, é muito difícil identificar o que o bebê está sentindo. 

Quando suspeitar?

Deve-se suspeitar da dor de ouvido quando a criança chora ao mamar ou ao se alimentar, pois o ato de deglutir acaba intensificando a dor. Tudo porque há uma passagem que liga o ouvido médio e a parte posterior da garganta. Esta passagem, denominada trompa de Eustáquio, pode estar obstruída ou inflamada.

Normalmente, o ar entra no ouvido médio através da trompa de Eustáquio, igualando a pressão entre o ouvido médio e o ouvido externo. A trompa de Eustáquio também é responsável por drenar o líquido do ouvido médio e, quando este tubo fica obstruído dificultando o fluxo de ar e líquidos, a pressão aumenta no ouvido, causando dor.

bebe choro mamadeira
goodluz/Shutterstock

Por isso, algumas vezes, a dor de ouvido em bebês também pode ocorrer do simples hábito de mamar deitado. “A criança nasce com a tuba de Estáquio (estrutura que comunica ouvido e nariz) muito pouco angulada. Isso favorece que alimentos e secreções possam regurgitar do fundo da garganta e do nariz para os ouvidos”, afirma a médica otorrinolaringologista Jeanne Oiticica. 

Segundo a especialista em otoneurologia, com o crescimento da cabeça e da face do bebê, a tuba de Estáquio passa aos poucos a ocupar uma posição mais vertical, o que minimiza esta possibilidade de aumento de pressão e dores sistemáticas a cada mamada. 

Outras dicas sobre amamentação