mulher

Você vai se emocionar com a história de vida do atacante francês Mbappé

kylian mbappe franca 0718 1400x800 0
Dean Mouhtaropoulos/Getty Images

Aos 19 anos, Kylian Mbappé se mostrou uma estrela da seleção francesa na Copa do Mundo da Rússia. A história dele no campo está só começando, mas sua trajetória de vida é o que mais impressiona.

Mbappé: filho de imigrantes treinado pelo pai

O atacante, que nasceu no subúrbio de Paris, é filho de imigrantes. Sua mãe, é da Argélia, e o pai, de Camarões. Sua história com o futebol começou cedo, aos seis anos, e seu sucesso é fruto de um trabalho em família.

Até os 13 anos, Mabppé jogou nas categorias de base do AS Bondy, um time de sua cidade-natal, que era treinado por seu pai.

Até o início do ano passado, Mbappé dependia da mãe para levá-lo aos treinos e nem sonhava em se tornar a revelação da copa na Rússia.

A escolha por jogar em equipe de seu país

kylian mbappe franca 0718 1400x1000
Dean Mouhtaropoulos/Getty Images

O jogador é muito apegado à família, ele mostrou isso quando em 2013, rejeitou os convites do Real Madrid, Chelsea e Bayern de Munique para virar profissional na equipe Monaco, pois ficava mais perto de casa.

No ano passado, além de escolher mais uma vez ficar perto da família, ele mostrou que também é patriota. Mais uma vez ele recusou a proposta do Real Madrid e escolheu seguir carreira no Paris Saint-Germain.

Ele explicou que optou pelo PSG porque é uma equipe de sua cidade e disse que se tivesse escolhido o time espanhol, seria como se uma criança de Madrid tivesse a oportunidade de jogar no Real e fosse para outra equipe, em outro país.

Doação de salário da Copa para caridade

kylian mbappe franca 0718 1400x931
Aurelien Meunier/Getty Images

O atacante da seleção francesa já ganhou até parabéns do craque Pelé, que o parabenizou por ser segundo jogador com menos de 20 anos a marcar dois gols em um jogo de fase final da Copa e ainda desejou boa sorte ao jovem (o primeiro foi o próprio craque do Santos).

Mas não foi só pelo desempenho em campo que o jogador ficou conhecido. O camisa 10 da França passou a ser admirado depois de doar todo o dinheiro que ganha a cada partida da Copa para instituições de caridade em seu país.

Mbappé doará também todos os bônus que ganhar durante o Mundial para uma organização voltada para crianças com deficiências. Ele disse que se recusa a receber para defender seu país.

Jogando ao lado de ídolo

Mbappé, quando adolescente, era muito fã do jogador português Cristiano Ronaldo. Ele não nega a admiração e muitas fotos antigas que mostram essa idolatria do francês circulam pela internet.

Na imagem mais famosa (acima), Mbappé, aos 14 anos, posa ao lado do craque. Em outros registros, Mbappé aparece em seu quarto, repleto de posteres de Ronaldo na parede.

O mais emocionante disso é que mostra que ele sonhou, acreditou, e em 2018 jogou uma Copa junto com seu antigo ídolo - cada um em sua seleção, e Mbappé foi muito mais longe na competição (Portugal foi eliminado nas oitavas de final na Rússia, enquanto a França chegou à final e disputa a taça com a Croácia).

Episódio de racismo contra o jogador

kylian mbappe franca 0718 1400x800
Alexander Hassenstein/Getty Images

Recentemente o jogador foi alvo de comentários racistas na internet. O youtuber brasileiro Júlio Cocielo fez a seguinte publicação em seu Twitter: "Mbappé conseguiria fazer arrastões top na praia". Uma referência à velocidade do craque, mas que também estaria ligada ao fato dele ser negro.

O youtuber apagou o comentário e fez um vídeo pedindo desculpas ao jogador e explicando que o texto não teve nenhuma intenção de atacar Mbappé.

Mas está bem óbvio que nada vai apagar o brilho do jogador, que tem tudo para ser um dos melhores da Copa.

Histórias de Copa que são pura inspiração: