pop

10 famosos que não tiveram medo ou vergonha de falar sobre suas demissões

evaristo costa fernando rocha 0921 1400x800 0
Zé Paulo Cardeal/Globo | Globo/Ramon Vasconcelos

Trocas de empregos são situações normais ao longo dos anos. No entanto, a situação é outra quando o funcionário ou funcionária é demitido de alguma empresa — principalmente se, nesse caso, se tratam de pessoas públicas.

Reunimos, na lista abaixo, 10 famosos que não tiveram nenhum medo ou vergonha de falar abertamente sobre suas demissões. Confira!

Famosos que falaram sobre suas demissões

Evaristo Costa

Em suas redes sociais, Evaristo Costa fez um desabafo dizendo que ficou sabendo sobre a sua demissão da CNN Brasil após perceber que o seu programa não estava na nova chamada da TV. Segundo o post do jornalista, ele ligou para a emissora para saber o motivo e foi informado de que “a empresa não tinha mais interesse em seus serviços”.

Apesar de tudo, Evaristo brincou com o ocorrido e afirmou que “o pai tá on” e “livre na pista”. Ele até mesmo publicou um meme brincando com a situação, contando que é “melhor rir” sobre o assunto.

Priscilla Alcântara

Priscilla Alcântara ganhou notoriedade na TV em 2005, quando foi a companhia de muitas crianças no “Bom Dia & Cia” ao lado de Yudi Tamashiro. A artista ficou no comando da atração do SBT até 2012, quando foi demitida da emissora com a justificativa de que estava “muito velha” para o programa.

Em entrevista ao Vênus Podcast, Priscilla contou que a idade foi a grande justificativa para que ela (que tinha 16 anos) e Yudi (que tinha 20) deixassem o comando do “Bom Dia & Cia” em 2012.

“A desculpa foi que a gente ficou muito velho. Alegaram que a gente estava grande para o programa — em questão de idade, fisionomia — e que eles não tinham um novo projeto”, afirmou a cantora.

No entanto, o argumento no SBT foi por água abaixo depois que Silvio Santos escalou uma de suas filhas, Silvia Abravanel, para assumir a atração no lugar de Priscilla e Yudi.

“Incoerente, porque depois a Silvia Abravanel aproveitou e entrou, né? E ela é mais velha que eu... Fiquei me perguntando: ‘Ué, o que aconteceu?’”, relembrou a artista.

Fernando Rocha

fernando rocha apresentador bem estar 0519 1400x800
Reprodução/GloboPlay

Fernando Rocha foi demitido da Rede Globo em fevereiro de 2019 — na época, ele apresentava o programa “Bem Estar”. Meses após o ocorrido, o jornalista revelou em entrevista à revista Veja que foi comunicado sobre a demissão a seco: “Você não faz mais parte dos planos da casa”.

O apresentador estava na emissora há 30 anos e ficou perplexo com a demissão. “Ser demitido em três minutos depois de trinta anos no canal foi um choque. A sensação era como se eu tivesse caindo no fosso do elevador, e o chão não chegava nunca”, afirmou Fernando.

Lívia Andrade

livia andrade apresentadora 0321 1400x800
Leo Franco / AgNews

Mesmo após 20 anos de parceria com Silvio Santos, Lívia Andrade deixou o SBT em 2020. A famosa já revelou em entrevistas que foi desligada do canal mesmo antes de terminar uma conversa com o diretor da emissora.

A personalidade também já contou que um dos motivos por ter deixado o SBT foi por conta das filhas de Silvio Santos — que “não iam com a cara dela” em todos os anos que passou na empresa.

Aguinaldo Silva

aguinaldo silva autor 0120 1400x800
Globo

Após 40 anos fazendo parte do quadro da Rede Globo, Aguinaldo Silva deixou a emissora no começo de 2020. Em entrevista ao programa “A Noite É Nossa”, da Record, o dramaturgo contou que ficou chocado com a decisão.

“Quando as coisas são assim muito oficiais, depois de uma relação tão longa e que rendeu tantos frutos para ambas as partes, essa coisa burocrática é meio chocante. Eu fiquei um pouco magoado com duas ou três pessoas”, revelou.

“Foi o fim de um ciclo. A emissora me deu muito durante esses 40 anos, eu não posso me queixar. E eu também dei muito para eles, foi uma troca justa", comentou.

Leda Nagle

leda nagle 0921 1400x800
Globo/João Cotta

Em 2016, após 20 anos à frente do “Sem Censura” na TV Brasil, Leda Nagle foi demitida da emissora e desabafou em suas redes sociais ao acusar o canal de “falta de caráter”.

Em um post, a jornalista afirmou que procurou a direção da EBC e que, na época, eles confirmaram que o vínculo seria renovado. No entanto, a emissora acabou voltando atrás e avisando que ela ficaria no ar por pouco tempo.

“Fiquei perplexa com a falta de caráter em dar a palavra de que estava tudo certo, que o contrato seria renovado. Deixar a pessoa trabalhar normalmente, sem contrato, acreditando na palavra empenhada... E depois aparecer com essa desculpa esfarrapada de falta de dinheiro”, escreveu a jornalista.

Stênio Garcia

stenio garcia 0320 1400x800
Raphael Dias/Globo

Em 2020, Stênio Garcia foi demitido da TV Globo após 40 anos de casa. Na época, o ator usou as suas redes sociais para desabafar sobre o ocorrido e até acusou a emissora de “perseguição pessoal”.

“Antes de ser colocado na geladeira, eu fazia dois trabalhos ao mesmo tempo [‘Carga Pesada’ e ‘Hoje é Dia de Maria’]. Me questiono porque não me demitiram há sete anos, me poupando de ter tido vários problemas”, escreveu Stênio.

stenio garcia 0921 1400x800
Globo/Estevam Avellar

“Quem não vai usar o trabalho do outro, tem que dispensar — e não torturar, deixando a pessoa encostada. Falo isso porque com certeza existem muitos iguais a mim. Hoje, vejo que deveria ter pedido demissão quando vi que a falta de escalação era uma perseguição pessoal”, completou.

Miguel Falabella

miguel falabella altas horas 1019 1400x800
Globo/Divulgação

Miguel Falabella deixou a Globo em 2020, após 39 anos de casa. A saída do ator e roteirista se deu em meio à pandemia do novo coronavírus e foi bastante difícil para o artista. Em entrevista ao programa “O Mundo Pós-Pandemia”, da CNN Brasil, Falabella falou que passou por um “luto profissional”.

“Foi um luto, uma despedida de um lugar que passei toda a minha vida, toda a minha juventude. E ainda estava confinado, por conta da pandemia”, disse o artista. Falabella ainda afirmou que passou por um longo bloqueio criativo após o desligamento.

Zeca Camargo

Zeca Camargo também foi demitido pela Globo em 2020. Apesar de ter deixado a empresa após 24 anos de serviços prestados, o apresentador usou as suas redes sociais para agradecer por todo o tempo em que esteve no ar.

“Levo as melhores lembranças dessa parceria de 24 anos. Nessa colaboração eu celebro a chance preciosa que tive de trabalhar em um lugar tão aberto às novas ideias. Lá cresci e me desenvolvi com profissionais incríveis e sou especialmente grato”, afirmou Zeca em um vídeo.

Renato Aragão

renato aragao 05 21 1400 800
Globo/Fábio Rocha

Após 44 anos de Rede Globo, Renato Aragão também deixou a Rede Globo durante a pandemia de coronavírus. O humorista não teve o seu contrato renovado e chegou a comentar sobre o assunto em entrevistas.

À imprensa, o eterno Didi insistiu que a sua relação com a emissora não chegou ao fim, já que os dois ficarão “eternamente juntos” e que “as portas sempre ficarão abertas”.

Mais sobre famosos