pop

Como estão as integrantes do Banana Split que foram sucesso nos anos 90: fotos

Instagram

Febre durante os anos 90, o grupo Banana Split ficou famoso no Brasil inteiro com um time de cantoras e dançarinas que viraram musas da televisão. O quarteto formado por Adriana Colin, Rosane Muniz, Mel Nunez e Andreia Reis surgiu após um espetáculo musical, que acabou chamando a atenção de Gugu Liberato.

Em 1990, a empresa de Gugu, chamada Promoart, passou a agenciar o Banana Split e o primeiro CD lançado por elas continha hits, como “Te Quero Baby”, “Dance e Balance” e “Chorando se Foi”. Ao longo dos anos, o grupo teve várias formações, mas foi o primeiro quarteto que mais marcou época.

Instagram

Recentemente, as ex-companheiras de banda se reencontraram e revelaram que são grandes amigas até hoje. “Meninas, amei estar com vocês. Vivendo e relembrando todos os momentos incríveis que temos, tivemos e ainda teremos”, declarou Mel. Veja mais fotos.

Como estão as integrantes do Banana Split: fotos

Adriana Colin

Instagram

Eleita Miss São Paulo em 1989, Adriana Colin iniciou a carreira artística como membro do elenco de “Veja o Gordo”, programa de Jô Soares. Além do Banana Split, apareceu também em “A Praça é Nossa” e, anos depois, teve passagens pelos programas “Fantasia” e “Gazeta Esportiva”.

Instagram

Longe das telinhas desde 2009, quando foi apresentadora do “Domingão do Faustão”, Adriana - que, aliás, é tia da atriz Letícia Colin - realiza eventos como mestre de cerimônia por todo o país.

Rosane Muniz

Instagram

Assim como Adriana, Rosane Muniz também era modelo de destaque e foi eleita Miss Rio de Janeiro em 1988. A carreira da loira no Banana Split ficou marcada por um acontecimento triste: em 1990, ela sofreu um acidente grave de ultraleve, que a deixou em coma por um mês - o que não a impediu de voltar ao grupo após a recuperação.

Instagram

Trinta anos depois, Rosane vive longe dos holofotes. Jornalista e pesquisadora, a ex-Banana Split é especialista em curadoria artística e também escritora: em 2020, colaborou com o livro “21 Histórias de Superação”, em que fala sobre a vida pós-acidente.

Mel Nunes

Instagram

Única morena no grupo das loiras, Mel Nunes apostou na carreira de atriz após o fim do grupo. Com experiências no teatro e na televisão, chegou a fazer uma participação na novela “Caras e Bocas”, mas acabou se afastando da vida artística depois.

Instagram

Mais tarde, Mel se formou em administração e construiu carreira na área: com passagens por marcas de moda e beleza, hoje trabalha para a grife Louis Vuitton.

Andreia Reis

Instagram

Com passagem mais breve pelo Banana Split, Andreia Reis foi a primeira a deixar o grupo, pouco mais de um ano após o estouro na mídia. A cantora, inclusive, chegou a ser substituída por Eliana na época, que também ficou pouco tempo na banda até ser convidada por Silvio Santos para virar apresentadora.

Instagram

Também eleita Miss Brasil no concurso da América Latina em 1989, Andreia é jornalista e até hoje faz parte do “grupo de misses”, um conjunto de vencedoras do curso de várias gerações que produzem conteúdo na internet.

Sucessos do passado